Rádio Difusora

(45) 9-9841-0044
11/07/2018 15:31 | Autor: Editor

SEAB divulga Valor Bruto da Produção Agropecuária

A Secretaria da Agricultura e Abastecimento divulgou ontem a primeira versão do Valor Bruto da Produção Agropecuária correspondente ao ano de 2017, que projeta um faturamento bruto de 85,34 bilhões de reais pelo conjunto da produção agrícola e pecuária paranaense.


Safra de grãos configurou crescimento de 18% na produção agrícola.


Esse valor representa uma queda real de 2% em relação ao ano anterior.
A renda bruta da agropecuária influencia na arrecadação de mais de 70% dos municípios paranaenses que tem a base de suas economias, voltada para a agropecuária.
Em 2017, a produção agrícola atingiu faturamento bruto de 41,94 bilhões de reais e a produção pecuária, 39,51 bilhões.
O setor florestal foi responsável por um faturamento de 3,88 bilhões de reais.
De acordo com o Departamento de Economia Rural, da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, no período analisado a safra de grãos foi recorde, com 43 milhões de toneladas, configurando um crescimento de 18% na produção agrícola.
Porém, os preços de comercialização foram menores e impactaram na redução do faturamento.
O economista Marcelo da Silva Gomes, disse que com a safra recorde, aumentou a oferta e os preços de produtos importantes como soja, milho, feijão, batata, caíram.
A comercialização também ficou mais lenta e além disso, houve queda na produção de cereais de inverno e do frango, um importante produto da produção pecuária paranaense, contribuindo para o recuo do VBP.
O desempenho da produção agropecuária foi sustentado, na fase de comercialização, pelas exportações que continuaram crescendo, tendo como seus principais produtos soja em grão e frango in natura.
A produção de soja liderou o faturamento da produção agrícola paranaense, com 24% de participação sobre o volume total produzido no Estado.
O segundo produto com maior faturamento no VBP 2017 foi o frango, com participação de 15% no resultado final.
A comercialização do milho, com cotação menor também influenciou para a queda do VBP e em 2017 o faturamento bruto do milho alcançou 9% a menos que no ano anterior.
A produção de leite respondeu por 7% do Valor Bruto da Produção no Estado do Paraná.