Rádio Difusora

(45) 9-9841-0044
09/08/2018 14:55 | Autor: Editor

Três sessões do Tribunal do Juri estão programadas para este mês em Mal. Rondon

Serão julgados um homicídio e duas tentativas

A primeira, no dia 24, julgará Bianca de Souza Araujo e Clarice Pedroso dos Santos, que respondem pelo assassinato de Romicon José da Silva, crime ocorrido em Marechal Cândido Rondon na madrugada de 4 de fevereiro do ano passado.
Na ocasião as duas rés e ainda Julio Pereira Ferreira e um adolescente de 14 anos, agindo em comunhão de esforços, por volta das 3 horas e 30 minutos, a Rua D. João VI, na esquina com a Rua Santa Catarina, desferiram cerca de 60 golpes contra a cabeça da vítima Romicon José da Silva, causando-lhe traumatismo cranioencefálico e consequentemente a morte.
O acusado Julio Cesar Pereira já foi julgado pelo crime e condenado a 13 anos, 2 meses e 10 dias de prisão.
À época do julgamento, as outras duas rés aguardam resultado de recursos apresentado no Tribunal de Justiça do Estado e por conta disso houve desmembramento do processo, que agora vai a juri popular.
Na defesa das duas rés, vão atuar os advogados Guilherme Amario Hensel e Diego Rafael Michelon Herzog.
No dia 27 de agosto vai à juri popular o ex-Policial Militar Almir Soares, acusado de tentativa de homicídio.
Conforme a denúncia, em 30 de janeiro de 2008, por volta das 23 horas e 40 minutos, nas proximidades do Lago Municipal, o então PM Almir Soares atentou contra a vida de Natanael Germano, então com 15 anos de idade.
Segundo o Ministério Público, fora do seu horário de serviço e se utilizando de uma motocicleta, o denunciado Almir foi até a região dos fatos onde a vítima estava na companhia de amigos.
Quando Natanael Germano se afastou do grupo de transitava por uma rua escura, ocorreu a investida do então PM que, armado com um revólver calibre 22 disparou contra o adolescente, acertando-lhe o braço direito.
Diz a denúncia que o acusado não logrou êxito na tentativa de morte porque não atingiu órgão vital e porque a vítima evadiu-se para um matagal nas proximidades.
Consta nos autos que o denunciado Almir Soares tentou matar o adolescente para assegurar sua impunidade em outro crime relacionado ao tráfico de drogas.
Nesta sessão de julgamento atuarão na defesa do réu os advogados Luiz Claudio Nunes Lourenço e Antonio Marcos de Aguiar.
No dia 31 de agosto, será julgado por tentativa de homicídio Gerson Antunes.
Consta que em 23 de abril de 2013, logo depois das 9 horas da noite, nos fundos de um estabelecimento comercial instalado na região central de Marechal Cândido Rondon, o réu por motivo fútil, atentou a tiros contra Jurandir de França, causando-lhe ferimentos, pelo fato de o mesmo ter se negado a cumprimentá-lo.
Consta na denúncia que o denunciado Gerson Antunes agiu mediante surpresa, pois após a discussão saiu do local, armou-se e retornou , sacou a arma e atirou contra a vítima.
Na defesa do réu vai atuar o advogado ENZO Phelipe Jawsnicker de Oliveira.