Rádio Difusora

(45) 9-9841-0044
20/09/2018 15:00 | Autor: Editor

Excesso de chuva causa transtornos e prejuízos na microrregião de Mal. Rondon

As fortes chuvas acompanhadas de rajadas de ventos que em alguns casos superaram os 55 km por hora voltaram a assustar os moradores da microrregião de Marechal Cândido Rondon, porém não foram registrados grandes prejuízos.


Na sede do município, até as 08h00 havia chovido 132 mm

Os índices de precipitações registrados ontem foram de grande intensidade e, de acordo com os institutos de meteorologia, para a tarde e noite de hoje ainda são previstos volumes elevados de chuva.
Na microrregião, segundo dados repassados pela Agrícola Horizonte, os maiores índices de chuvas foram registrados em Novo Sarandi, com 150 milímetros; Quatro Pontes, com 140 milímetros, e na sede municipal de Marechal Cândido Rondon, com 132 milímetros.
Nas demais áreas abrangidas pela indústria rondonense, os índices pluviométricos até as 08h00 de hoje foram os seguintes: Bom Jardim 65 milímetros; Entre Rios 72; Iguiporã 70; Mercedes 40; Hovo Horizonte 72; Novo Três Passos 87; Pato Bragado 75; e Porto Mendes 46 milímetros.
Engenheiros agrônomos acreditam que as lavouras no sistema de plantio direto estão absorvendo e suportando bem os volumes de chuva registrados, haja vista que as precipitações em média na microrregião foram de 86 milímetros.
Entretanto, alguns pontos específicos com chuva acima de 120 milímetros, associado ao solo mexido com grade, está mais exposto aos riscos.
Ocorre que, como o manejo simples já não estaria fazendo tanto efeito no combate a buva e ao amargoso, alguns agricultores gradeiam o solo antes da aplicação dos produtos químicos e isso facilita a infiltração de água.
Mas, no geral, as chuvas não devem trazer grandes problemas as lavouras.
Já nos perímetros urbanos alguns problemas foram verificados na região, como por exemplo, falta de energia elétrica, árvores caídas e muito lixo e entulhos esparramados nas vias públicas em decorrência dos ventos fortes.