Rádio Difusora

(45) 3284-8080
12/04/2019 14:33 | Autor: Editor

Paraná tem rombo de R$ 4,8 bilhões na Previdência

Foto:Agência Câmara
O déficit da previdência no Paraná é de 4 bilhões e 800 milhões de reais, de acordo com estudo realizado pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro.
O dado considera o aporte que o Tesouro precisa fazer para cobrir o desequilíbrio entre receitas e despesas.
O custo por habitante, ou seja, quanto cada cidadão paranaense paga por ano para cobrir o déficit do fundo previdenciário no Estado, é de 461 reais.
O Paraná é o quinto Estado do País com maior déficit e o sexto com a maior contribuição por habitante.
O custo do déficit por habitantes no Rio Grande do Sul, por exemplo, é 1.038 reais, e no Distrito Federal, que tem a maior aposentadoria média do país, ou seja, 8 mil e 800 reais, são 887 reais.
O estudo concluiu que em 14 estados brasileiros os aposentados recebem mais do que a média dos salários servidores da ativa.
No Paraná, o gráfico divulgado pela Firjan mostra que a média salarial do aposentado é de 5 mil e 800 reais por mês, enquanto do ativo é de 5 mil e 300 reais mensais.
O Estado, no entanto, tem mais ativos que inativos, sendo 0,68 aposentado por servidor, deixando o Estado em 17º no índice.
Apenas quatro estados — Amapá, Roraima, Rondônia e Tocantins — não enfrentam dificuldades para pagar os inativos, de acordo com a Firjan.