Conectado com

Geral

Arrastão para cadastramento no programa Previne Brasil acontece neste sábado em Margarida e bairros da sede

Assessoria

Desde o final do mês de janeiro a Secretaria de Saúde de Marechal Rondon, através dos Agentes Comunitários de Saúde, trabalha diariamente para realizar o cadastro do maior número possível de residências para o programa Previne Brasil, que visa promover uma reestruturação na forma que o Governo Federal distribui os recursos na área da saúde para os municípios.
Até então a distribuição dos valores era feita com base na quantidade de pessoas residentes e de serviços existentes em cada município, sem considerar o atendimento efetivamente prestado. Por isso é necessário um cadastramento em todos os domicílios de Marechal Rondon, até o final do mês de junho.
A secretária de Saúde rondonense, Marciane Specht, destaca que os agentes estão tendo dificuldades em algumas residências, pois os moradores não estariam recebendo os profissionais para realizar a coleta de dados. “Os Agentes Comunitários de Saúde estão devidamente identificados com crachás do município. Pedimos encarecidamente a colaboração dos rondonenses, para que recebam estes profissionais. O cadastramento é muito importante, mesmo para os que não utilizam o SUS”.
Os dados coletados são preenchidos em uma ficha denominada de Cadastro Individual da Atenção Básica. Entre as informações estão: escolaridade, profissão, condições de saúde, entre outros.

MAIS UM ARRASTÃO
O cadastramento está sendo realizado tanto na sede como no interior. As visitas estão sendo realizadas diariamente. No sábado, no entanto, assim como aconteceu no final de semana anterior, como forma de intensificar a coleta de dados, os Agentes Comunitários de Saúde estarão realizando um arrastão. O foco principal será os bairros da sede, menos a Vila Gaúcha e o Bairro Primavera, tendo em vista que nessas duas localidades os domicílios foram quase que todos visitados, e também o distrito de Margarida. “As famílias que não forem visitadas, o município irá perder os recursos sobre elas. Isso impacta significativamente na qualidade das ações prestadas”.

E QUEM NÃO USA O SUS?
Até mesmo quem não usa o SUS, precisa se cadastrar. Recursos do Sistema Único de Saúde não são somente utilizados em consultas e outros procedimentos médicos, mas sim também em outros setores importantes que beneficiam toda a comunidade de forma direta ou indireta, como no controle da água que se bebe, no controle dos alimentos oferecidos pelos estabelecimentos comerciais, as mais diversas vacinas, controle e tratamentos do doenças, entre outros. “Todos de uma forma ou outra utilizam os serviços do SUS. Por isso todos devem se cadastrar. Aguardem, pois um agente de saúde fará uma visita à sua casa”, enfatiza a secretária.

Fonte: Assessoria

Geral

Descartada a primeira morte por COVID-19 em Marechal Rondon

A suspeita de que um idoso de Marechal Rondon, de 91 anos, tenha falecido vítima de COVID-19 foi descartada na tarde desta quarta-feira (03). A morte do idoso ocorreu no último domingo, por insuficiência respiratória, e o caso passou a ser investigado como suspeita de coronavírus. O paciente tinha ainda câncer de pulmão, além de outras doenças.

Os exames foram feitos através do LACEN -Laboratório Central do Estado do Paraná, que descartou a suspeita nesta quarta-feira.

A secretária Marciane Specht lembra que como tratou-se de um caso de morte por insuficiência respiratória, é uma orientação do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná, que dê se a morte como suspeita de coronavírus e que seja feita a coleta de RT-PCR, para que a mesma seja encaminhada ao Lacen para a confirmação ou não da doença.

Fonte: Assessoria
Continue Lendo

Geral

Secretário de administração pede exoneração em Mercedes

Conforme determina a legislação eleitoral cidadãos que pretendem concorrer aos cargos de prefeito, vice-prefeito ou a vereador nas Eleições Municipais de 2020, devem ficar atentos aos prazos de desincompatibilização para disputar o pleito.

A lei eleitoral estabelece três prazos de desincompatibilização para aqueles que são ocupantes de cargos públicos: 6, 4 e 3 meses antes da realização das Eleições, conforme o grau de potencial influência que candidatos ocupantes de tais cargos possam exercer perante o eleitorado.

Secretários de Estado e Secretários Municipais que pretendem se candidatar ao cargo de prefeito deverão se desincompatibilizar com 4 meses de antecedência.

Em cumprimento a esta determinação, o Secretario de Planejamento, Administração e Finanças de Mercedes Vilson Martins cumpre seu ultimo dia de trabalho hoje.

Diante disso depois destes 3 anos e meio do atual mandato da prefeita Cleci Loffi, Martins fez uma avaliação do trabalho desenvolvido..

 

Apesar de toda importância que a secretaria de Planejamento, Administração e Finanças exige, Martins pondera, que trabalho é realizado em equipe dentro da prefeitura e assume oficialmente sua pré-candidatura a prefeito pelo grupo de situação nas próximas eleições..

 

Considerando a indefinição sobre a data das eleições municipais deste ano, a prefeita Cleci Loffi não deverá de imediato nomear outro secretário de administração.

Continue Lendo

Geral

Diretor do Sine diz que atendimento é normal em Mal Rondon

Desde a ultima segunda-feira as 216 Agências do Trabalhador do Paraná retomaram o atendimento presencial para a intermediação de mão de obra.

A Secretaria da Justiça, Família e Trabalho estabeleceu novas regras para o atendimento presencial, que ocorrerá somente com agendamento prévio, a fim de evitar aglomeração de pessoas.

O horário de funcionamento dos postos de atendimento do Sine nos municípios segue as determinações das administrações municipais para o enfrentamento da Covid-19.

Aqui em Marechal Cândido Rondon, conforme o diretor do SINE. Arli Neodi Costa, o Pereira, o trabalho segue normalmente com ofertas diárias de empregos em empresas do comercio e industria..

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.