Conectado com

Geral

Boletim desta segunda inclui quatro mortes e Cascavel chega a 61 vítimas da Covid-19

Três homens e uma mulher com idades entre 63 e 92 anos vieram a óbito…

O Boletim divulgado nesta segunda-feira pela prefeitura de Cascavel incluiu quatro novas mortes por Covid-19 na cidade.

Com as novas confirmações, Cascavel chega a 61 vítimas da doença.

Dois dos óbitos ocorreram no último sábado (4) e são de pacientes que estavam fora de Cascavel. Um homem de 92 anos que tinha doença cardiovascular crônica faleceu em Hospital Filantrópico de Assis Chateaubriand. A outra vítima é um homem de 72 anos que tinha doença neurológica há 18 anos e faleceu em Francisco Beltrão. Estas duas mortes já haviam sido noticiadas ontem e agora entram para as estatísticas oficiais.

As outras mortes são de uma mulher e um homem de 63 anos. A mulher tinha doença cardiovascular crônica, hipertensão, diabetes e estava em tratamento oncológico. Ela faleceu em Hospital Filantrópico de Cascavel. O homem tinha doença cardiovascular crônica e faleceu ontem (5) em Hospital Público da cidade.

A taxa de mortalidade na cidade está em 1,6%.

O novo boletim confirmou 102 casos da doença.

Veja o perfil das vítimas:

Histórico

Mortes em julho: 6 (parcial)

61ª morte: Homem de 63 anos, comorbidade associada de doença cardiovascular crônica,
óbito em 05/07 em Hospital Público em Cascavel;

59ª morte: Homem de 72 anos, comorbidade associada de doença neurológica há 18 anos,
óbito em 04/07 em Hospital Público em Francisco Beltrão;

58ª morte: Homem de 92 anos, comorbidade associada de doença cardiovascular crônica,
óbito em 04/07 em Hospital Filantrópico em Assis Chateaubriand

56ª morte: Homem de 55 anos falecido em Hospital Público em 02/07. Tinha diabetes.

55ª morte: Mulher de 70 anos falecida em hospital público em 02/07. Tinha doença cardiovascular e diabetes.

54ª morte: Homem de 79 anos faleceu em Hospital Público em 02/07. Tinha obesidade, insuficiência renal e cirrose hepática

Mortes em junho: 48

60ª morte: Mulher de 63 anos, comorbidades associadas de doença cardiovascular crônica,
hipertensão, diabetes e em tratamento oncológico, óbito em 29/06 em Hospital
Filantrópico em Cascavel; (*Houve demora na confirmação da morte)

57ª morte*: mulher de 75 anos falecida em Hospital Público no dia 27/06. (*Houve demora na confirmação da morte)

53ª morte: Homem de 80 anos com hipertensão faleceu em Toledo no dia 30/06

52ª morte: Homem de 61 anos, sem doenças associadas, faleceu em 28/06 em hospital público.

51ª morte: Mulher de 51 anos faleceu em 30/06 em hospital público. Tinha doença cardiovascular e diabetes.

50ª morte: Cleci Teixeira de 59 anos faleceu em 29/06 no HUOP. Teve o quadro agravo em poucos dias e não pode ver a chegada do segundo neto. Tinha comorbidade associada de doença cardiovascular, diabetes e obesidade

49ª morte: Homem de 73 anos, comorbidade associada de Hipertensão, óbito em 30/06 em Hospital Público em Cascavel

48ª morte: Homem de 64 anos, comorbidade associada de Hipertensão, óbito em 29/06 em Hospital Público em Cascavel

47ª morte: Everson Mendes, de 33 anos, faleceu em 29/06, no HUOP. Ele trabalhava como vendedor, morava no Clarito e deixa dois filhos.

46ª morte: Salvador Avelino Duarte, de 60 anos falecido em 28/06 no HUOP. O homem era vendedor de espetinhos no Bairro São Cristóvão e ficou cerca de 30 dias internado.

45ª morte: Dulio Bondam, 92 anos, comorbidade associada de hipertensão. Óbito em domicilio em 28/06.

44ª morte: Terezinha Borges Brizola, de 74 anos, era moradora do Bairro Morumbi, onde trabalhou na escola por 30 anos, como zeladora e merendeira. Tinha diabetes, faleceu em 28/06 no Hospital de Retaguarda de Cascavel.

43ª morte: Homem de 55 anos, comorbidade associada de hipertensão arterial sistêmica, óbito em 28/06 em Hospital Público em Cascavel.

42ª morte: Mulher 76 anos, comorbidade associada de doença neurológica crônica, óbito em 27/06 em Hospital Público em Cascavel.

41ª morte: Homem de 82 anos que tinha doença neurológica crônica faleceu no HUOP em 27/06.

40ª morte: Empresário Emerson Barreto, de 45 anos faleceu no dia 27/06.

39ª morte: Mulher de 63 anos faleceu no HUOP no dia 27/06. Tinha hipertensão e diabetes.

38ª morte: Mulher de 76 anos faleceu em casa em 25/06. Tinha hipertensão.

37ª morte: Virgínia dos Santos faleceu em 23/06 no HUOP. Ela tinha diabetes, Parkinson e hipertensão.

36ª morte: Ademar Rodrigues, de 66 anos, faleceu em 23/06 em hospital particular da cidade.Ele tinha hipertensão.

35ª morte: homem de 61 anos faleceu no dia 23/06 no Hospital de retaguarda. Tinha diabetes, hipertensão e doença cardiovascular.

34ª morte: mulher de 74 anos faleceu no dia 23/06, no HUOP. Maria Aparecida Pontes era moradora do Bairro Brasmadeira.

33ª morte: mulher de 68 anos faleceu no último sábado em um hospital de Assis Chateaubriand. Era ex-tabagista e tinha enfisema popular.

32ª morte: Rosa Maria Mussulini Zorek, de 61 anos, mãe do secretário de de Planejamento e Gestão de Cascavel, Edson Zorek, faleceu dia 21/06. Ela tinha hipertensão.

31ª morte: Carla Priscila Chaicoski, de 30 anos era técnica de enfermagem e havia tido um bebê há 15 dias. Ela faleceu no dia 20/06. Foi a primeira profissional de saúde a falecer em decorrência da doença em Cascavel e o caso gerou grande comoção.

30ª morte: Homem de 68 anos morreu em 19/06 em unidade de pronto atendimento. Estava em tratamento oncológico.

29ª morte: Mulher de 73 anos morreu e 19/06 em hospital público. Tinha diabetes e obesidade.

28ª morte: homem de 83 anos morreu em 19/06 em Hospital Filantrópico. Tinha diabetes e hipertensão.

27ª morte: Maria Aparecida Pinheiro dos Santos, de 47 anos, faleceu em 17/06 em hospital particular. Tinha elevação de colesterol. Ela deixou três filhos e a família contou à CGN como foi o tratamento.

26ª morte: homem de 40 anos faleceu em 17/06 em hospital particular. Não tinha comorbidades

25ª morte: mulher de 75 anos, sem comorbidades, óbito em 16/06, em Hospital Privado em Cascavel, classificada positiva por critérios clínicos epidemiológicos. (A idade havia sido divulgada inicialmente como 77 e foi atualizada no dia 18/06 pela prefeitura)

24ª morte: homem de 88 anos, comorbidade associada de leucemia e hipertensão, óbito em 17/06 em Hospital Privado em Cascavel.

23ª morte: homem de 69 anos residente de Cascavel, mas faleceu em Foz do Iguaçu no dia 16/06. Ele tinha miocardiopatia, insuficiência cardíaca e renal crônica, além de hipertensão arterial e obesidade.

22ª morte: homem de 73 anos faleceu no HUOP em 16/06. Ele tinha doença cardiovascular crônica.

21ª morte: mulher de 63 anos faleceu no dia 08/06 na UPA Tancredo. Ela tinha doença cardiovascular crônica.

20ª morte: Ivani Terezinha Schupel, de 73 anos, faleceu no dia 15/06. Estava internada em hospital privado desde o dia 10. Tinha doença cardiovascular e diabetes. Ela morava no distrito de Espigão Azul.

19ª morte: homem de 79 anos, faleceu em Toledo no dia 13/06 em Toledo. Tinha doença cardiovascular crônica, doença pulmonar obstrutiva crônica e hipertensão arterial sistêmica.

18ª morte: Maria da Luz da Silva, de 63 anos, faleceu no dia 15/06. Moradora do Clarito ela foi internada em Assis Chateaubriand. Era hipertensa e portadora de hipotiroidismo e obesidade.

17ª morte: mulher de 85 anos faleceu em casa no dia 15/06. A mulher tinha comorbidades associadas como hipertensão e sequela de AVC.

16ª morte: homem de 54 anos que tinha problema neurológico há 11 anos e faleceu em 14/06. Teve sintomas em 4 de junho e internou em hospital particular no dia 6.

15ª morte: Maria Aparecida Malizan, de 77 anos, moradora do Interlagos. Tinha histórico de problemas no coração e faleceu em 11/06 na UPA Brasília. confirmação de Covid-19 veio depois da morte.

14ª morte: mulher de 88 anos faleceu em 12/06 na UPA Tancredo. Teve início dos sintomas no dia 7 e foi internada no dia 09.

13ª morte: homem de 54 anos faleceu na UTI de Assis Chateaubriand, no dia 11/06. O início dos sintomas foi no dia 31 de março e no dia 5 de junho ele procurou a UPA Brasília, sendo levado à UTI no dia seguinte. Tinha Hipertensão e doença cardiovascular crônica.

12ª morte: mulher de 71 anos moradora de Cascavel faleceu em Foz do Iguaçu no dia 10/06. Ela tinha hipertensão, diabetes e doença arterial, além de ser ex-tabagista. Sintomas começaram em 31 de maio e passou pela UPA em Cascavel no dia 7 de junho.

11ª morte: mulher de 63 anos moradora de Cascavel faleceu em Assis Chateaubriand no dia 8/06. Com sintomas desde 26 de maio deu entrada na UPA Brasília dois dias depois e foi transferida no dia seguinte.

10ª morte: homem de 73 anos faleceu no dia 3/06 na UPA Tancredo. O homem chegou a ter alta médica mas o quadro se agravou e ele faleceu pouco depois de retornar à unidade e antes de ser levado para a UTI. Ele tinha hipertensão.

9ª morte: mulher de 59 anos tinha várias doenças e faleceu no dia 2/06. A filha contou à CGN que a mulher sabia da gravidade da doença.

8ª morte: Reginaldo Abreu Santos, de 34 anos, faleceu na UTI em Assis Chateaubriand no dia 1/06. A família relatou que ele era saudável e não tinha outras doenças. Os sintomas começaram no dia 16/05 e no dia 23 ele procurou a UPA.

Mortes em maio: 3

7ª morte: homem de 69 anos falecido em hospital particular no dia 24/05. Ele estava internado desde o dia 17 de maio e tinha comorbidades como doença cardiovascular, obesidade, hipertensão e diabetes.

6ª morte: mulher de 86 anos faleceu em 17/05 no HUOP. Ela tinha doença pulmonar crõnica e havia sido internada no dia 14 de maio.

5ª morte: mulher de 93 anos, acamada há mais de 5 anos faleceu no dia 7/05. Os sintomas haviam começado no dia 01/05.

Mortes em abril: 3

4ª morte: homem de 70 anos sem relato de comorbidade morreu na UTI em Assis Chateaubriand em 24/04. Os sintomas começaram no dia 9 de abril.

3ª morte: Balbino José dos Santos, faleceu no dia 18/04 em Cascavel, aos 66 anos. Ele tinha sido internado em 26 de março para fazer uma cirurgia e depois de ir a UTI a Covid-19 foi descoberta.

2ª morte: Natalício Alves de Oliveira, de 77 anos, faleceu no dia 10/04. Ele era cadeirante e deixou 5 filhos 17 netos e 10 binetos.

Morte em março: 1

1ª morte: Homem de 66 anos faleceu em 30/03 em hospital particular. Ele contraiu o vírus em Dubai e começou a ter sintomas no dia 19 de março, quatro dias após voltar de viagem.

 

Cascavel registra 102 novos casos e confirma 3591 exames positivos para Covid-19

Fonte: CGN

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Marechal Rondon registra nova redução nos casos ativos de covid-19

O município de Marechal Cândido Rondon registrou novamente queda no numero de casos ativos de coronavirus.

O boletim de quinta-feira (17) registrava 108 casos ativos; e o de hoje (18) confirmou 96 casos ativos.

O boletim indica que dos 589 casos de Covid-19 já registrados no município, 96 rondonenses  ainda estão ativos sendo transmissíveis do vírus.

Dos casos ativos, quatro estão internados na UTI, dois na UPA e hospital, e 90 estão em isolamento domiciliar.

O município já registrou 488 casos recuperados da doença e cinco óbitos.

Há ainda 644 pessoas em monitoramento e 128 casos suspeitos aguardando resultado do exame, sendo que destes suspeitos, três pessoas estão internadas na UTI e duas pessoas na UPA.

4.292 pessoas já foram liberadas da quarentena e 3315 casos suspeitos foram descartados.

Continue Lendo

Geral

Marechal Rondon registra novo aumento expressivo de casos ativos de coronavírus

O município de Marechal Cândido Rondon registra novamente um expressivo aumento no numero de casos ativos de coronavirus.

O boletim anterior, da data de ontem (17) confirmavam 79 casos ativos da doença; o boletim de hoje (18) confirma são 108 casos ativos.

98 casos suspeitos de covid-19 aguardam o resultado do exame.

O boletim indica que dos 587 casos de Covid-19 já registrados no município, 108 rondonenses  ainda estão ativos sendo transmissíveis do vírus.

Dos casos ativos, quatro estão internados na UTI, três na UPA e hospital, e 101 estão em isolamento domiciliar.

O município já registrou 474 casos recuperados da doença e cinco óbitos.

Há ainda 671 pessoas em monitoramento e 98 casos suspeitos aguardando resultado do exame, sendo que destes suspeitos, três pessoas estão internadas na UTI e outra uma pessoa na UPA.

4.194 pessoas já foram liberadas da quarentena e 3309 casos suspeitos foram descartados.

Continue Lendo

Geral

Policia define linha de investigação no assassinato do sócio da Quenn Anne em Salto Del Guaira

Ainda não foram liberadas novas informações a respeito do assassinato do empresário Cristóbal Rojas, o “Nene”, socio do Shopping Quenn Anne, de Salto Del Guaira, no Paraguai.

Na terça-feira a tarde, ele foi visitar o túmulo do seu filho, no cemiterio de Salto, de onde segundo testemunhas, foi sequestrado por dois homens que utilizaram o proprio veículo da vitima,uma camionete Toyota Hillux, para fugir.

Familiares somente acionaram a policia e comunicaram sobre o desaparecimento do empresário na madrugada de quarta-feira, sendo que no decorrer da manha do mesmo dia, o corpo dele foi encontrado, apresentando sinais de tortura antes de ser baleado e morto.

O ministro do Interior do Paraguai, Euclides Acevedo, adiantou que as autoridades trabalham com a hipótese de que o assassinato do socio do Shopping Quenn Anne, estaria vinculado a Operação Status.

Mais detalhes nao foram revelados, apenas de que o crime pode ser uma espécie de efeito colateral, em virtude das  associações economico-financeiras ligadas às casas de câmbio no país vizinho.

A Promotoria paraguaia confirmou que o empresario assassinado tinha participação majoritária em uma das casas de câmbio intervencionadas no âmbito da Operação Status.

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.