Conectado com

Policial / Trânsito

BPFron intercepta comboio de contrabandistas e apreende mais dois veículos em Guaíra/PR

BPFron

Em data de 10.Set.2019, Policiais Militares do BPFron- ROCAM , realizavam patrulhamento pela área rural de Guaíra, quando em dado momento, se depararam com um comboio com aproximadamente seis veículos vindo em sentido contrário a via, em alta velocidade, atitudes estas, típicas de veículos que transportam contrabando. Foi então sinalizado abordagem policial, com sinais luminosos e sonoros, que não foi acatada por nenhum dos veículos,retornando e empreendendo fuga dos Policiais.

Ressalta-se que durante a fuga, foram utilizados dispositivos de fumaça e manobras arriscadas com intuito de tirar a viatura da pista. Em dado momento, os veículos se separaram, foi então solicitado apoio mobilizado o contingente operacional de serviço da Unidade para aquela área, na tentativa de fechar o cerco ao comboio. Em seguida, foi visualizado um veículo GM/Astra de cor prata, que trafegava em alta velocidade com todas as luzes apagadas em meio a uma lavoura e que, novamente não acatou ordem de parada emitida pela Polícia Militar / BPFRON , iniciando assim um novo acompanhamento tático que perdurou por aproximadamente três quilômetros até o motorista perder o controle da direção, vindo a capotar o veículo em meio a uma plantação.

Na sequência, passou pela equipe um outro veiculo vectra de cor preta, em alta velocidade, sendo realizado o encalço, bem como os cuidados do primeiro veículo capotado, onde foi prestado socorro aos ocupantes do GM/Astra que ainda se encontravam dentro do veículo, condutor e passageiro. As demais equipes policiais saíram em busca do Vectra, que foi localizado a aproximadamente 5 km do local, Após colidir contra uma árvore.

Em busca veicular foi constatado que o mesmo estava carregado com aproximadamente Mil pacotes de cigarros de origem paraguaia e com um rádio comunicador acoplado, cujo condutor conseguiu empreender fuga em meio a vegetação. No veículo Astra foi constatado que só havia o banco do motorista, característica típica de veículo preparado para o transporte de produtos de contrabando.

Como ambos os ocupantes do Astra sofreram ferimentos, foi acionada uma equipe do SAMU de Guaíra, sendo encaminhados a UPA de Guaíra, onde foram atendidos pela médica que liberou um dos passageiros e solicitou transferência do outro para a Cidade de São Jorge do Patrocínio para atendimento Hospitalar devido a gravidade do ferimento em sua perna direita do tipo laceração.

Considerando que o veículo apesar das características e circunstâncias não possuía carga, não foi possível receber os indivíduos integrantes do Astra sendo liberados ainda na Unidade de Pronto Atendimento.

Os veículos foram apreendidos encaminhados até a base da Segunda Cia do BPFron para confecção do Boletim de Ocorrência e posteriormente encaminhamento até a Delegacia da Receita Federal da Cidade de Guaíra/PR.

✅ 02 Veículos apreendidos
✅ 1.000 pacotes de cigarro apreendidos
✅ 02 Pessoas feridas atendidas

 

 

Fonte: BPFron

Continue Lendo
Publicidade

Policial / Trânsito

Reviravolta no caso envolvendo empresário rondonense que morreu por disparo de arma de fogo

Tudo indica que ele não teria sido assassinado

As investigações em torno da morte do empresário Juliano Aurélio Marchi, de 33 anos, ganharam novos rumos e o que era para ser assassinato, passou a ser tratado como “disparo acidental”.

O delegado de Policia Civil de Marechal Rondon, Pedro Lucena, ainda não se pronunciou sobre o caso.

O crime ocorreu na quarta-feira (22) em uma chácara na Linha Heidrich, interior do município.

A primeira versão apresentada por um amigo da vítima, foi de que uma motocicleta ocupada por dois homens passou pelo local e um deles teria atirado contra Juliano.

Ferido, ele passou pela UPA Marechal, foi transferido para Toledo, onde no domingo (26) foi confirmada sua morte cerebral.

A família autorizou a doação de órgãos, e o corpo do empresário rondonense será sepultado nesta manhã de terça-feira (28).

Com o andamento das investigações, surgiu uma nova versão para o ocorrido, de que vitima e mais alguns amigos estariam na chácara, quando um deles mostrou uma arma que tinha comprado, momento em que aconteceu um disparo acidental.

Essa nova informação ainda não foi confirmada pelo delegado rondonense Pedro Lucena.

 

Continue Lendo

Policial / Trânsito

Jovem é agredida pelo namorado com pedaço de madeira e vai parar no hospital em Assis

Segundo ela, seu companheiro a atacou com um pedaço de madeira de uma cadeira, causando ferimentos na cabeça, membros superiores, tórax e membro inferior esquerdo.

 

Em Assis Chateaubriand, uma mulher foi agredida pelo próprio companheiro com um pedaço de madeira de uma cadeira. A vítima foi encontrada ferida no Hospital Beneficente Moacir Micheletto, onde o pai a encontrou após receber um pedido de socorro.

O caso veio à tona por volta das 13h, quando a Polícia Militar de Assis Chateaubriand recebeu uma chamada telefônica de uma mulher solicitando ajuda para sua filha. A equipe policial se dirigiu ao hospital, onde a vítima relatou a agressão sofrida.

Segundo ela, seu companheiro a atacou com um pedaço de madeira de uma cadeira, causando ferimentos na cabeça, membros superiores, tórax e membro inferior esquerdo.

A equipe policial, em seguida, se deslocou até o endereço fornecido pela vítima na tentativa de localizar o agressor. Contudo, ao chegarem ao local, a residência estava vazia. A vítima foi orientada sobre seus direitos e um boletim de ocorrência foi redigido e encaminhado à 48ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) para as devidas providências.

 

Fonte: CGN

Continue Lendo

Policial / Trânsito

Grávida acorda em motel com lesões e polícia apura se foi vítima de estupro em Cascavel

Após equipe da UPA identificar sangramento foi levada para o Huop

 

Mulher grávida, de 27 anos, foi encaminhada ao Hospital Universitário do Oeste do Paraná com machucados.

A jovem acordou em um motel na BR 467 em Cascavel, as suspeitas são de que ela foi dopada. Devido a situação que estava foi encaminhada primeiro para a UPA Brasília, ela estava com muitas dores nas regiões íntimas. A equipe ainda identificou sangramento.

Há suspeitas de que ela foi vítima de estupro. A Polícia Civil apura as circunstâncias que levaram a mulher ficar dessa forma. Quem tiver denúncias deve repassar para a Polícia Civil no 197.

A Polícia Civil ainda não se posicionou com atualizações sobre o caso.

 

Fonte: Catve

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.