Conectado com

Agricultura

Brasil deve ter safra recorde em 2022, mas custos serão os maiores da história

Reuters

Estimativas são apresentadas nesta quarta-feira (8) pela Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária (CNA)

 

O Brasil deve ter uma safra recorde de grãos em 2022. A expectativa da Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária (CNA) é de uma produção de 289 milhões de toneladas, 14% a mais que a safra 2021/22.

Mas, para aumentar a produtividade, os agricultores terão um dos custos mais altos da história. A consequência? Os gastos com produção devem achatar o lucro de maneira geral.

Em 2021, o produtor rural já conviveu com um aumento de mais de 100% nos custos com fertilizantes e defensivos para culturas como soja e milho, e a tendência é de que este quadro se mantenha em 2022.

Para a CNA, outro fator que merece atenção é o desempenho da economia brasileira. Incertezas no mundo econômico devem influenciar o agronegócio no ano que vem.

Por conta disso, a expectativa é de que o Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio cresça em ritmo mais lento, ficando entre 3% e 5% abaixo do que foi registrado neste ano. Em comparação com o ano de 2020, o PIB do agronegócio deve fechar com expansão de 9,37%.

Para o Valor Bruto da Produção (VBP), que mede o faturamento “da porteira para dentro” na agricultura e na pecuária, a expectativa da CNA é que a elevação de receita ocorra em menor ritmo frente a anos anteriores.

O VBP deve ser de R$ 1,25 trilhão em 2022, crescimento de 4,2% em relação a 2021. Culturas como café, milho e trigo devem ter produções maiores e cana-de-açúcar, café e algodão deve ter elevação nos preços. Por outro lado, soja, carne bovina e arroz devem sofrer quedas no Valor Bruto da Produção.

Recorde de Exportações
De janeiro a novembro de 2021, o Brasil movimentou U$$ 110,7 bilhões em exportações, superando o recorde anterior registrado em todo o ano de 2018, quando os valores chegaram a U$$ 101,2 bilhões. Na comparação com 2020, o crescimento foi de 18,4%.

Os principais produtos exportados foram soja em grãos, carne bovina in natura, açúcar de cana em bruto, farelo de soja e carne de frango in natura. Os principais destinos foram China, União Europeia, Estados Unidos, Tailândia e Japão.

Juntos, esses cinco mercados responderam por 62% dos consumidores que adquiriram os itens brasileiros. O país onde foi registrada a maior expansão das vendas externas em 2021 foi o Irã (71,3%), com receita de US$ 734 milhões.

Para 2022, a CNA indica alguns fatores que precisam ser monitorados, como o comportamento da Covid-19 e o surgimento de novas variantes, os gargalos do transporte marítimo, a oferta global de insumos, a pauta ambiental e o comércio internacional.

Nas estimativas da confederação, a China deve se manter como o principal parceiro comercial do agronegócio brasileiro.

 

Fonte: CNN Brasil

Continue Lendo
Publicidade

Agricultura

Copagril prega otimismo nas pré assembleias com associados

Foto: Assessoria

Com o encerramento do Dia de Campo, o cronograma de atividades da Copagril segue com o roteiro de pré-assembleias.

No sábado  pela manhã  a   a primeira reunião foi com  associados da região de Guaira, na AACC  local.

Na segunda-feira, serão três pré-assembleias:  pela manhã   ocorreu reunião  no Pavilhão da Comunidade Evangélica de Iguiporã; 14 horas será   na Casa da Cultura de Entre Rios do Oeste; e às 19 horas e 30 minutos com associados da unidade  de  Margarida.

Amanhã, terça-feira,  às 9 horas na AACC de Marechal Cândido Rondon e às 14 horas na Casa da Cultura de Mercedes.

Nas reuniões com os associados a diretoria executiva da Copagril discute a respeito dos números que serão levados para a AGO e também o planejamento para o ano de 2022.

Conforme o presidente Ricardo Chapla, apesar de todas as adversidades enfrentas com a pandemia e perda de safra em razão crise hídrica, a cooperativa fechou 2021 com crescimento em seu faturamento geral..

 

Continue Lendo

Agricultura

Manejo Integrado de Pragas voltará a ser difundido em Pato Bragado

O “Manejo Integrado de Pragas” é um conceito que foi instituído na década de 1960 pela comunidade científica, para a otimização do controle de pragas agrícolas.

O termo refere-se à integração de diferentes ferramentas de controle, tais como os produtos químicos, agentes biológico, predadores, extratos de plantas, variedades de plantas resistentes a pragas, manejo cultural, plantas iscas, liberação de machos estéreis, dentre outras.

O emprego conjunto de todas essas ferramentas, de maneira planejada e em harmonia, é a base para solidez de um programa de MIP.

Esse programa mais uma vez será levado ao município de Pato Bragado, conforme destaca a secretária municipal de Agricultura, Jaqueline Vanelli…

 

Continue Lendo

Agricultura

Visitação ao Dia de Campo da Copagril será possível até às 16 horas

Foto: Karine Barbian

Considerando o fato de em 2021 o evento não ter sido presencial, a expectativa dos organizadores em relação a público neste ano, numa avaliação preliminar foi atendida.

Hoje a  visitação à estação experimental  vai  até às 16 horas, e mais uma vez a circulação de pessoas é intensa desde as primeiras horas com comitivas de municípios da área de ação da Copagril, no Paraná e Mato Grosso do Sul.

O coordenador geral do Dia de Campo, Enoir Primon mencionou  pela manhã que  as expectativas foram atingidas e pela manifestação das empresas participantes os agricultores aproveitaram e buscaram informações principalmente em relação aos híbridos que poderão ser utilizados na próxima safra.

Por sua vez o diretor vice-presidente, Elói Podkova , também avaliou positivamente o evento presencial deste ano……..

 

Conforme a programação previamente  estabelecida, o campo experimental estará aberto para visitação até às 16 horas de hoje.

Momentos mais tarde, com a presença dos expositores e servidores, haverá o ato de encerramento e o anúncio da data do Dia de Campo Copagril de 2023.

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.