Conectado com

Geral

CAPA Núcleo Marechal entregará 712 cestas para famílias da região

O Centro de Apoio e Promoção da Agroecologia, núcleo de Marechal Cândido Rondon – CAPA realiza hoje e amanha, a entrega de mais de 12 toneladas de alimentos e produtos de higiene e proteção para famílias da região.

A entrega será feita para famílias indígenas da etnia Avá-Guarani, nos municípios de Guaíra e Terra Roxa.

Os produtos que compõem a cesta foram produzidos por agricultores assistidos pelo CAPA, que prepararam 712 unidades na campanha “Cesta Consciente”.

A ação de ajuda humanitária é realizada pelo CAPA, pela Fundação Luterana Diaconia (FLD) e pelo Conselho de Missão entre Povos Indígenas (COMIN), por meio de doações à Campanha Cesta e recursos do atual projeto trienal apoiado por Pão para o Mundo.

A campanha foi criada para minimizar os impactos da crise econômica agravada pela pandemia de coronavírus, inicialmente, nos estados do Paraná e Rio Grande do Sul.

A campanha “Cesta Consciente” é uma ação de duplo impacto: beneficia ao mesmo tempo as famílias em situação de vulnerabilidade e as famílias que produzem os alimentos e produtos de higiene e de proteção.

Jhony Luchmann, da coordenação do CAPA Rondon, destaca que é um encontro que movimenta solidariedade e uma economia popular com objetivo de promover a segurança alimentar e sanitária de milhares de pessoas durante a pandemia da Covid-19.

As cestas são compostas por farinhas de trigo e milho, arroz, feijão, frutas, hortaliças, batata doce, barras de sabão e máscaras.

Os alimentos são, em sua maioria, orgânicos ou agroecológicos e ao todo, cada cesta pesa aproximadamente 17 quilos.

Para preparar as 712 cestas, foi feito mutirão envolvendo a equipe do CAPA e famílias agricultoras da Acempre, no salão da Comunidade Evangélica Martin Luther de Mal Rondon.

A entrega será feita a partir desta quarta-feira e amanha.

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Empresário rondonense é preso por ameaça e porte ilegal de arma de fogo

A Segunda Companhia da Policia Militar de Marechal Cândido Rondon efetuou na tarde desta terça-feira (22) a prisão em flagrante de um homem, que conforme a denuncia fazia ameaças e foi flagrado de posse de uma arma de fogo sem registro e sem porte.

Tudo indica, porém, a informação não foi confirmada pela Policia, é de que o homem detido seria um empresário de Marechal Rondon.

O comandante da PM rondonense, tenente Zambon, relata todo episodio registrado hoje…………..Ouça Aúdio……..

 

Continue Lendo

Geral

Marechal Rondon segue com 88 pessoas ativas para coronavírus

Em Marechal Cândido Rondon, o boletim divulgado hoje (22) confirmou  88 casos ativos da doença.

O boletim indica que ate agora já foram registrados 662 casos de Covid-19.

Dos 88 casos ativos, três seguem internados em UTI; 2 na UPA e outros 83 rondonenses estão em isolamento domiciliar.

O município já registrou 567 casos recuperados da doença e seis óbitos, sendo que outros dois óbitos suspeitos aguardam resultado de exame.

529 pessoas em monitoramento e 90 casos suspeitos aguardando resultado do exame, sendo que destes suspeitos, quatro pessoas estão internadas na UTI e cinco pessoas na UPA e hospitais.

4.734 pessoas já foram liberadas da quarentena e 3.437 casos suspeitos foram descartados.

Continue Lendo

Geral

Governo Paraguaio anuncia reabertura total da Ponte da Amizade

O desbloqueio iniciará a partir do dia 29 de setembro, terça-feira.

A diretora do setor de Migração do Paraguai, Ángeles Arriola anunciou neste dia 22 de setembro, terça-feira, que o Governo Nacional do Paraguai aprovou a reabertura total da Ponte da Amizade, que conecta Cidade de Leste a Foz do Iguaçu, por um período de testes de três semanas.

O desbloqueio iniciará a partir do dia 29 de setembro, terça.

“O Presidente da República do Paraguai foi muito claro e falou que é um passo importante para a reativação da economia local”.

A migração será feita em horário reduzido para os turistas brasileiros, que começará as 5h00 da manhã até as 14h00 horas e a saída será até as 18h00, horário paraguaio.

O vice ministro de Retoria de Vigilância de Saúde, Julio Rolón, explicou que a reabertura da Ponte da Amizade será por um período de provas e que posteriormente será analisada em um reunião a evolução da epidemia.

Milhares de “esteños” ou moradores de CDE, que estavam reunidos em uma manifestação pacífica na cabeceira da Ponte celebraram a decisão do Governo Nacional.

Por ABC do Paraguai

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.