Conectado com

Geral

Defesa questiona ações do MP sobre instalação de condomínios em municípios da comarca

“Não há qualquer loteamento irregular nos condomínios da Aquila Empreendimentos, uma vez que nenhuma obra de parcelamento de solo urbano foi iniciada”

O Ministério Público da comarca de Marechal Rondon ajuizou ações, questionando a legalidade de condomínios instalados em municípios da comarca.

Ações foram ajuizadas contra a empresa Aquila Empreendimentos, que administra os condomínios: Filemon, Neemias e Gabriel em Mal Rondon; Babilônia em Pato Bragado; e Jardim Acácia em Entre Rios do Oeste.

A defesa da empresa, representada pelo advogado Christian Guenther, esclarece que em nenhum momento a Aquila Empreendimentos foi chamada para prestar quaisquer esclarecimentos e, por isso, entende que possa ter havido uma interpretação equivocada acerca da união de esforços das pessoas envolvidas nos empreendimentos.

A nota divulgada pela empresa diz que “a formação dos condomínios se dá pela livre associação de pessoas que, em conjunto e de forma organizada, adquirem uma área de terra que futuramente será objeto de parcelamento, obviamente após haver toda a tramitação perante os órgãos de fiscalização municipal e estadual – da mesma forma como acontece com os “loteamentos na planta” em sistemática utilizada por algumas imobiliárias de nosso Município.

Diz ainda que “todos os condomínios administrados pela Aquila Empreendimentos possuem áreas próprias localizadas dentro do perímetro urbano dos respectivos municípios e todos os trâmites legais estão sendo seguidos para possibilitar o início das obras que visam o início do loteamento”.

Ao contrário do que alega o Ministério Público, não há qualquer loteamento irregular nos condomínios, uma vez que nenhuma obra de parcelamento de solo urbano foi iniciada, já que simplesmente houve a união de esforços dos condôminos para a aquisição de áreas para possibilitar a futura implementação do parcelamento de solo, o que ocorrerá na mais absoluta legalidade.

Vale lembrar que só em Marechal Cândido Rondon existem cerca de 25 condomínios criados para os mesmos fins do que os administrados pela Aquila Empreendimentos e, inclusive, alguns já estão em fase de implementação da documentação necessária para a liberação dos loteamentos e início das obras de infraestrutura, demonstrando a absoluta legalidade da forma como a Aquila Empreendimentos está procedendo.

Ainda conforme a nota “tão logo haja a intimação das ações civis públicas, a empresa informará as medidas legais que estará adotando para esclarecer o Poder Judiciário e demonstrar a real efetiva legalidade dos Condomínios Filemon, Neemias, Gabriel, Babilônia e Jardim Acácia: pedimos para aqueles que possuem cotas que se tranquilizem, pois temos certeza da legalidade dos empreendimentos”, fecha a nota, a defesa da Aquila Empreendimentos, representada pelo advogado Christian Guenther.

Geral

Delegado alerta rondonenses sobre os muitos golpes praticados pela internet

O principal deles é a clonagem de whatsapp

Golpes praticados pela internet, de diversos tipos, têm sido registrados com freqüência em Marechal Cândido Rondon.

O delegado de Policia, Rodrigo Baptista Santos, alerta que a população deve ficar atenta, principalmente em relação a clonagem de whatsapp, onde na maioria das vezes, o golpista solicita uma transferência em dinheiro………..Ouça Audio…

Continue Lendo

Geral

Quatro Pontes confirma primeiro óbito por covid-19

Vitima foi um homem de 71 anos

O setor de Epidemiologia do Município de Quatro Pontes emitiu uma nota sobre primeiro óbito por Covid-19.

 

O Município de Quatro Pontes registrou no final da tarde ontem, dia 22 de setembro, o primeiro óbito por Covid-19.

Este paciente estava em internamento na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital HOESP, Bom Jesus.

O internamento do mesmo se deu no último dia 14 de setembro, após o paciente apresentar uma piora do quadro, já positivo para Covid-19.

O paciente de 71 anos tem histórico de Acidente Vascular Cerebral (AVC) com sequelas, hipertensão arterial, parkinson, renal crônico, dificuldade de deambular e internamentos recorrentes no hospital de referência do município para tratamentos.

No último dia 04 de setembro, o paciente deu entrada em nossa unidade (Ambulatório Respiratório) com queixa de falta de ar, sendo avaliado pela equipe de enfermagem e pelo médico plantonista e, posteriormente, foi encaminhado ao Hospital de Entre Rios do Oeste para tratamento e acompanhamento dos sintomas apresentados no momento.

Neste período, o paciente ficou internado por três dias, recebendo alta e, então, acompanhamento no município pela equipe de monitoramento (ACS’s) e pela equipe do Ambulatório Respiratório, com visitas domiciliares do médico para melhor acompanhamento do caso.

Durante o monitoramento de dez dias, o paciente realizou coleta de RT-PCR, pois no momento do atendimento no dia 04 de setembro o mesmo foi notificado como caso suspeito para Covid-19.

Coleta foi realizada no dia 08 de setembro e o resultado foi liberado no dia 09 de setembro, sendo positivo para Covid-19.

Durante o acompanhamento do paciente, o mesmo apresentou boa evolução nos últimos dias que antecederam a piora súbita, acontecida na madrugada do dia 14 de setembro, ocasião em que o paciente foi, então, encaminhado para o hospital de referência para atendimento de pacientes com Covid-19 do município, em Entre Rios do Oeste.

Por volta das 08h30 da manhã do dia 14 de setembro, a Epidemiologia foi acionada pelo hospital de referência, informando que o paciente havia dado entrada com quadro grave, necessitando de intubação e que o mesmo necessitava de um internamento em UTI.

Foi, então, colocado na Central de Leitos do Estado, responsável pela regulação das vagas, sendo, no mesmo período, admitido no então Hospital HOESP.

A equipe local, realizou vários contatos com a família e junto à 20ª Regional de Saúde de Toledo em busca de informações sobre o paciente, sendo, então, comunicado que na noite do dia 21 de setembro o mesmo apresentou quadro febril, o que se agravou durante o dia de ontem, 22 de setembro, quando às 17h30 o paciente faleceu.

Nós, da equipe do Ambulatório Respiratório e da Epidemiologia, estamos em contato diário e constante com vários pacientes que positivam e que recebem alta após boa evolução da doença, mas, infelizmente, nem sempre nossa batalha será vencida.

Com muita tristeza e profundo pesar, perdemos no dia de ontem, 22 de setembro, não somente um munícipe ou um paciente de Covid-19, perdemos uma VIDA.

Vida pela qual, junto com a família, lutamos. Estivemos juntos dando apoio, como se fosse da nossa família, pois na batalha contra o Covid-19 não existe lado e estamos todos juntos do lado da VIDA. Nossa eterna gratidão à família e ao nosso paciente.

 

Secretaria de Saúde

 

Quatro Pontes, 23 de setembro de 2020.

Continue Lendo

Geral

Caminhão da prefeitura tomba dentro de propriedade rural no interior de Planalto do Oeste

No final da manhã desta quarta-feira, dia 23, um caminhão da Prefeitura de Nova Santa Rosa tombou no interior de uma propriedade rural, localizada no distrito de Planalto do Oeste.

Segundo informações, o servidor estava executando o trabalho de cascalhamento nas laterais de um açude, quando em dado momento, o condutor perdeu o controle do caminhão e tombou em direção a uma vegetação.

O motorista foi encaminhado para atendimento médico. Ele teria sofrido ferimentos em um dos braços.

Fonte: Conectansr

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.