Conectado com

Geral

Diretor diz que solução para contratação de potência em Itaipu sairá no curto prazo

O diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna, disse que uma solução para o problema da contratação da potência da usina deve sair no curto prazo.

 

Negociações entre as empresas foram retomadas nesta semana.

 

Ele ressaltou que o governo está chamando de curto prazo, para não colocar uma expectativa de data, porque essa é a intenção da Eletrobras e da Ande – a companhia paraguaia.

Em pleno mês de agosto, as estatais Eletrobras e Ande ainda não chegaram a um acordo sobre a contratação da potência da usina neste ano: as negociações entre as empresas foram retomadas nesta semana.

Uma parcela do faturamento da energia produzida por Itaipu está em aberto desde fevereiro.

Segundo Silva e Luna, embora Itaipu não tenha tido problemas para honrar seus pagamentos até agora, a situação se assemelha a um contingenciamento de recursos.

O diretor-geral não informou os números, mas a reportagem apurou que o valor em aberto é de cerca de US$ 50 milhões.

Itaipu fatura cerca de US$ 3 bilhões por ano, mas opera em regime de custo – ou seja, não há lucro, mas apenas cobertura de custos de serviço da dívida, operação e manutenção e royalties.

Silva e Luna reconheceu que alguns compromissos podem deixar de ser honrados caso a situação perdure até o fim do ano.

O Tratado de Itaipu estabelece que toda a potência da usina deve ser contratada pelo Brasil e pelo Paraguai.

Historicamente, o Brasil consome 85% da energia da usina, e o Paraguai fica com os 15% restantes.

Com o crescimento econômico do Paraguai nos últimos anos, a demanda por energia tem crescido, mas, para evitar aumentar as tarifas, o país vizinho tem mantido sua contratação inalterada.

Neste ano, foi a primeira vez que as empresas não chegaram a um acordo sobre o tema, e a discussão foi liderada pelos ministérios de relações exteriores.

Um acordo formalizado por meio de uma ata estabeleceu uma curva ascendente de contratação de potência pelo Paraguai até 2022.

Os termos do documento, porém, geraram uma crise que derrubou diversas autoridades do país e ainda ameaçam o governo de Marito – como é conhecido o presidente.

A ata acabou sendo anulada pelo Paraguai, mas a crise ainda não foi resolvida. Silva e Luna reconheceu que as negociações levam em conta a proximidade entre Marito e o presidente Jair Bolsonaro.

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Desfile no dia 25 de julho destacará potencialidades de Marechal Cândido Rondon

Em 2022, o município comemora 62 anos

A prefeitura de Marechal Cândido Rondon e a Fundação Promotora de Eventos (Proem) trabalham na organização da Expo Rondon 2022, que será realizada de 21 a 25 de julho. A grade de shows já está definida, porém, as demais atrações estão sendo programadas.

Um dos atrativos que comporá o evento que comemora os 62 anos do município será o desfile, no dia 25 de julho, segunda-feira, data de aniversário do município. O evento é coordenado pelas secretarias de Educação, de Esporte e Lazer e de Cultura, e objetiva demonstrar as potencialidades de Marechal Cândido Rondon.

O desfile será realizado na rua Santa Catarina, com início às 8h30. Terá a participação de entidades, clubes de serviços, associações, empresas, forças policiais, como o Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron), com sede no município e que neste ano comemora dez anos de atividades.

Pode ser uma imagem de 5 pessoas e ao ar livre

 

Fonte: Assessoria 

Continue Lendo

Geral

Rede de apoio à criança e ao adolescente reúne-se nesta sexta-feira em Marechal Rondon

Ampliar a rede de proteção no enfrentamento à violência contra crianças e adolescentes. Esta é a proposta do seminário que acontece a partir das 8h30 desta sexta-feira (20), tendo por local a sala do Tribunal do Júri do campus rondonense da Unioeste.

O evento contará com palestras que serão ministradas pelos promotores Caio Marcelo Santana di Rienzo e Marcus Vinicius Ferraz Homem Xavier, com o tema: “Encaminhamento de crianças e adolescentes vítimas de violência sexual no município de Marechal Cândido Rondon”.

Durante a tarde, a assistente social Francielle Toscan, do Ministério Público de Foz do Iguaçu, discorrerá sobre “A identificação das formas e dos sinais da violência contra crianças e adolescentes”. A assistente social Rosilene Marciana Figur Bischoff, do Serviço de Acolhimento Municipal, conduzirá a apresentação do protocolo de atendimento às crianças e adolescentes em situação de violência sexual.

Projeto

A presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Fernanda Schmitt, expõe que a programação receberá a participação dos profissionais que atuam atendimento às crianças e aos adolescentes vítimas de violência. “É uma determinação do prefeito Marcio Rauber a adoção de medidas que combatam o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes”, pontua.

O projeto é uma realização da Secretaria de Assistência Social de Marechal Cândido Rondon e do CMDCA, com o apoio do campus local da Unioeste e do Núcleo de Estudos e Defesa dos Direitos da Infância e Juventude (NEDDIJ).

 

Fonte: Assessoria 

Continue Lendo

Geral

Solenidade hoje na Acimacar marcará troca de comando nos bombeiros de Marechal Rondon

Solenidade programada para a noite desta quinta-feira, marcará a passagem de comando do 3º Subgrupamento do Corpo de Bombeiros de Marechal Cândido Rondon.

Na ocasião, o Major Tiago Zajac dos Santos, oficializará sua saída de Marechal Rondon, passando o cargo ao capitão Guilherme Rodrigues de Lima.

Tiago Zajac deixa o comando dos bombeiros rondonenses após sete anos frente a corporação, motivado por sua promoção na carreira militar, sendo promovido de capitão para major: ele desempenhará funções agora nos bombeiros de Cascavel.

Para comandar os bombeiros de Marechal Rondon, foi designado pelo comando regional o capitão Lima, que desde 2017 comanda os bombeiros de Palotina.

A solenidade de passagem de comando do 3º Subgrupamento dos bombeiros de Marechal Rondon está programada para as 19 horas de hoje, no auditório da Acimacar, e contará com a presença de autoridades militares, politicas e convidados.

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.