Conectado com

Geral

Estudo: anticorpos de quem teve covid-19 não protegem contra variante

Testes em laboratório mostram que variante Gamma não é neutralizada

 

Estudo internacional com participação de pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) revela um mecanismo que explica o motivo pelo qual ocorrem as reinfecções de covid-19. Testes em laboratório mostraram que a variante Gamma, anteriormente conhecida como P.1, originada no Brasil, é capaz de escapar dos anticorpos neutralizantes que são gerados pelo sistema imunológico a partir de uma infecção anterior com outras variantes do coronavírus.

Os pesquisadores destacam, no entanto, que os resultados foram obtidos in vitro, ou seja, em laboratório. Além disso, o estudo não inclui outros tipos de resposta imune do organismo, como imunidade celular. “É fundamental entender que pessoas infectadas podem ser infectadas novamente”, aponta William Marciel de Souza, da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP, primeiro autor do artigo. O trabalho foi publicado como artigo na revista científica The Lancet em 8 de julho.

Foram analisadas amostras do plasma de pacientes que tiveram a doença, e também de pessoas imunizadas pela vacina CoronaVac. “A pesquisa mostra que pessoas que foram vacinadas ainda estão suscetíveis à infecção, se você tomou a vacina continue usando máscara, continue com distanciamento social, continue usando as medidas de higiene para evitar a transmissão para outras pessoas”, aconselha o pesquisador.

Souza lembra que os estudos clínicos mostram a eficiência da CoronaVac contra formas graves da doença, reduzindo internações e mortes. “A vacina não é contra infecção, infecção pode acontecer a qualquer momento, com qualquer vacina, o objetivo da vacina é contra a doença, a forma grave, da pessoa morrer, ter sequelas graves.”

Outros estudos

O pesquisador citou outro estudo que analisou casos de covid-19 em idosos moradores de um convento e uma casa de repouso. Ele aponta que, embora os locais fossem pouco movimentados, o vírus entrou nessas moradias e infectou as pessoas com mais 70 anos que estavam vacinadas. “Mesmo com idade bem avançada quase todos foram assintomáticos ou com sintomas leves, não precisaram de hospitalização. Isso mostra a importância das vacinas.”

Sobre a variante Delta, Souza aponta que os estudos também vêm demonstrando a proteção contra formas mais graves da doença. “Mesmo locais com alta taxa de vacinação, por exemplo os Estados Unidos, em que hoje a Delta é a linhagem mais dominante, o número de mortes e hospitalizados não aumentou mesmo com a introdução dela.”

 

Fonte: Agência Brasil

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Grande incêndio é registrado no Lago de Itaipu, em Mercedes

O fogo já consumiu uma grande área e avança em direção à mata ciliar.

Ponto da Noticia

Um incêndio atinge neste momento uma área de vegetação em uma área de vegetação no Lago de Itaipu, no interior de Mercedes.

O local é conhecido como “barro branco”, localizado entre as comunidades de Sanga Alegre e Três Irmãs.

O fogo iniciou-se por volta das 16h00, consumindo a vegetação em uma área alagada do Lago de Itapu, que no momento está baixo, formando uma área de banhado.

O fogo já consumiu uma grande área e avança em direção à mata ciliar.

O caminhão pipa de Mercedes, populares e máquina da Prefeitura Municipal estão no local realizando os levantamentos de como realizar o combate, uma vez que o local é de difícil acesso, sendo cercado pela mata ciliar, pequenas lagoas, Lago de Itaipu e banhado.

As equipes permanecem no local realizando o monitoramento do incêndio e, caso necessário, o Corpo de Bombeiros e brigadistas da Itaipu também devem ser acionados.

Informações e fotos Ponto da Noticia

Continue Lendo

Geral

Entidades recebem créditos relativos ao Projeto Ecopontos

Rondonenses que ainda possuem créditos podem fazer doação diretamente no aplicativo Cashlocal

 

Encontro foi realizado na tarde desta sexta-feira, dia 17, no auditório da prefeitura de Marechal Cândido Rondon, oportunidade na qual foram repassados às entidades os valores relativos aos créditos da participação dos moradores de Marechal Rondon no Projeto Ecopontos.

Também foi apresentado o balanço do projeto, além do planejamento das ações futuras. O secretário municipal de Agricultura e Política Ambiental, Adriano Backes, reforçou a importância da utilização do Ecoponto para a destinação de diferentes tipos de resíduos, pois através deste projeto os catadores são beneficiados com a venda dos recicláveis, enquanto os feirantes têm suas vendas fomentadas pelo uso dos créditos.

Os representantes da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) e do Asilo Lar Rosas Unidas enalteceram o projeto e se comprometeram a divulgá-lo para que mais moradores possam entregar os recicláveis e o óleo de cozinha no Ecoponto, e em troca realizar a doação para as entidades que são tão importantes para a comunidade.

Quem ainda possui créditos pode fazer a doação diretamente no aplicativo Cashlocal, a qual, automaticamente, entrará no saldo da entidade que poderá reverter em produtos orgânicos da feira.

O engenheiro ambiental Marcos Chaves explica que ainda restam créditos desta etapa do projeto, mas que está sendo elaborado um termo de referência para que um novo convênio, com maior prazo de duração, seja realizado, que poderá atender cada vez mais usuários do Ecoponto.
Presenças

Estiveram presentes à reunião: os integrantes da Secretaria de Agricultura e Política Ambiental, da Associação de Catadores Amigos da Natureza, da Acempre, da Feira Sabor e Arte, do Asilo Lar Rosas Unidas e da APAE.

 

Fonte: Assessoria

Continue Lendo

Geral

Educandários rondonenses recebem kits educacionais de robótica

Assessoria

Equipamentos foram repassados nesta sexta-feira (17) em evento realizado em Guaíra

 

Autoridades estaduais e regionais como o prefeito de Marechal Rondon, Marcio Rauber, o chefe da Casa Civil, Guto Silva, o deputado estadual Elio Rusch, o prefeito de Guaíra e presidente do Conselho dos Municípios Lindeiros, Heraldo Trento, a Chefe do Núcleo Regional de Educação de Toledo, Neiva Marques de Andrade Niero, e o diretor-geral da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte, Vinícius Neiva, entre outros, participaram na manhã desta sexta-feira, dia 17, no Colégio Estadual Mendes Gonçalves, em Guaíra, de evento que marcou o repasse por parte do governo do estado de kits educacionais de robótica, que irão atender a escolas estaduais da região.

A iniciativa faz parte do programa Robótica Paraná, lançado no final de agosto. O investimento total será de R$ 9,1 milhões e a estimativa é de que na primeira fase do projeto 10 mil alunos sejam beneficiados.

O conteúdo do programa engloba programação de robótica básica, automação, conceitos de IoT (internet das coisas) e domótica – área relativa à integração de mecanismos tecnológicos em uma residência.

Neste primeiro momento, dois educandários rondonenses foram beneficiados: o Colégio Estadual Frentino Sachser, da sede (com 10 kits) e o Colégio Estadual Nilso Franceski, de Iguiporã, também com 10 kits.

Pode ser uma imagem de 4 pessoas e pessoas em pé

Pode ser uma imagem de uma ou mais pessoas, pessoas em pé e ao ar livre

Pode ser uma imagem de 2 pessoas, pessoas sentadas e pessoas em pé

 

 

Fonte: Assessoria

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.