Conectado com

Geral

Ex-rondonense revela o drama vivido na Itália devido ao coronavírus

Organização Mundial da Saúde classifica de pandemia o avanço do coronavirus no mundo

A União Europeia criticou, nesta quinta-feira (12) a decisão unilateral de Donald Trump de restringir viagens da Europa para os Estados Unidos por causa do coronavírus, dizendo que a doença não respeita fronteiras.

Trump anunciou que todas as viagens para a Europa serão cortadas, mas depois autoridades dos EUA esclareceram que as restrições se aplicam a estrangeiros que estavam nas regiões da Europa que não têm controle de passaportes nos 14 dias anteriores à chegada aos EUA.

As restrições aumentarão a pressão sobre companhias aéreas que já estão sofrendo com a pandemia de coronavírus, atingindo empresas europeias com mais força.

“A União Europeia reprova o fato da decisão dos EUA impor um banimento à viagens que foi decidido de forma unilateral e sem consultas”, disseram o presidente do Conselho da União Europeia, Charles Michel e a presidente da Comissão do bloco, Ursula von der Leyen, em um comunicado em conjunto.

A Itália por sua vez anunciou que aumentará os gastos para amenizar os estragos do coronavírus e pode restringir a movimentação ainda mais para frear a proliferação de casos da doença.

A informação é do primeiro-ministro Giuseppe Conte, segundo quem, o total de mortes chegou a 827.

Reconhecendo a emergência crescente, ele disse que o governo destinará 25 bilhões de euros para ajudar a reduzir o impacto na economia.

Quem traz mais informações diretas de Parma, na Itália, sobre a situação vivida pelo povo daquele país em razão do coronavírus é o ex-morador de Marechal Cândido Rondon, pastor Gilson Carlos Pacheco Jr…..

 

Por outro lado, em comunicado divulgado hoje pela manhã a Comissão Nacional de Saúde afirma que o pico da pandemia de coronavírus acabou na China.

O país está desde o começo da semana registrando uma queda no número de novos casos e registrou em Hubei, epicentro da doença, apenas 8 novos casos.

A província, que está de quarentena desde janeiro, vai reabrir algumas indústrias e permitir algumas viagens.

Antes, ninguém tinha permissão para entrar ou sair de Hubei, que estava com todas as fronteiras fechadas.

Em termos gerais, o pico da epidemia passou na China e o número de novos casos também está caindo, afirma o comunicado.

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Sicredi Aliança PR/SP disponibiliza R$905 milhões para o ano safra 2024/2025

A Sicredi Aliança PR/SP realizou na sede da cooperativa em Marechal Cândido Rondon o lançamento do Plano Safra 2024/2025 para engenheiros agrônomos e representantes técnicos.

Na ocasião, foram apresentados dados relevantes para o período e as principais mudanças com relação a safra anterior.

O Sicredi é um grande parceiro do produtor rural é a segunda maior instituição financeira do Brasil em carteira agro, totalizando R$ 87,4 bilhões em saldo.

A Sicredi Aliança PR/SP disponibilizará R$905 milhões para o ano safra 2024/2025, um aumento de R$13% com relação ao ano-safra anterior.

O Diretor de Negócios, Gilson Metz, destaca que no ano safra 2023/2024 a cooperativa atendeu mais de cinco mil associados onde liberou R$800 milhões.

Segundo Gilson, para esse ano a expectativa é grande e as equipes já estão prontas para atender os associados.

Gilson Metz agradece o apoio dos parceiros técnicos e dos associados que confiam ao Sicredi suas produções.

A Gerente de Crédito Rural da cooperativa, Gilhane Schiestel, alerta para mudanças no Proagro: segundo ela, além do Limite de cobertura de Proagro ter baixado para R$ 270 mil (anteriormente R$ 335 mil), deve-se buscar orientações junto as agencias e principalmente com sua assistência técnica sobre as melhores datas de semeadura em relação ao tipo de solo, ciclo da cultivar e município de plantio, a fim de evitar descontos na indenização do Proagro.

 

Continue Lendo

Geral

Policiamento reforçado em Terra Roxa após invasões e protestos

Foto: Flavio Frizon Portal Sou Agro

Secretário de Estado da Segurança participa de reunião hoje na cidade

A Secretaria de Estado da Segurança Pública anunciou ontem (16) que vai reforçar o policiamento em Terra Roxa, na região Oeste do Estado, onde nos últimos dias houve invasão a uma propriedade privada e protestos em relação a conflitos fundiários.

A fazenda fica próxima a uma área demarcada de responsabilidade da União.

O secretário da Segurança Pública, Hudson Leôncio Teixeira, participa de uma reunião nesta quarta-feira (17) na cidade sobre a situação.

O encontro deve reunir também representantes da Funai, Incra, Justiça Federal, Polícia Federal, Batalhão de Fronteira, Prefeitura de Terra Roxa, Ministério Público, sociedade civil e outros órgãos que estão debruçados na questão.

“Eu tenho certeza que vamos resolver isso com muito diálogo, com muita negociação. Existe uma tensão evidente na região. A responsabilidade da área não é do Estado, mas o governador Ratinho Junior determinou um reforço no policiamento para que não tenhamos nenhum episódio de violência”, afirmou ontem o Secretário Hudson Teixeira.

Também ontem (16) houve um protesto de agricultores solicitando o fim da invasão da fazenda.

Eles cobram ações mais enérgicas de políticos e da justiça para conter a invasão de terras por indígenas.

 

 

Fonte: SESP-Pr

Continue Lendo

Geral

Estádio Valdir Schneider é fechado para a prática de exercícios

Assessoria

A Secretaria de Esporte e Lazer de Marechal Cândido Rondon fechou ontem o Estádio Municipal Valdir Schneider, em virtude dos preparativos à Expo Rondon 2024, que ocorrerá de 24 a 28 de julho.

Palco dos shows, o estádio está recebendo as estruturas para a montagem do palco, camarotes, iluminação, tablados, entre outros.

Conforme o secretário municipal de Esporte e Lazer, Diogo Schneider, a reabertura da praça esportiva para que as pessoas utilizem a pista de atletismo para caminhadas e corridas está agendada para o início de agosto.

Também foi fechado ontem, o Ecoponto, instalado no parque de exposições de Marechal Rondon e que será reaberto, também assim como o Estádio Valdir Schneider, após a Expo Rondon.

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.