Conectado com

Geral

Fiocruz encontra mutações preocupantes da Covid-19 em amostras do Paraná

Imagem ilustrativa da internet

Pesquisadores dizem que é “urgente” a necessidade de verificar a eficácia de vacinas para variantes da doença

 

Um estudo da  Fundação Oswaldo Cruz, recentemente  publicado, diz ter identificado  novas mutações das variantes do coronavírus em circulação no Brasil que podem escapar, mesmo que parcialmente, da imunidade adquirida pelos indivíduos.

A pesquisa da Fiocruz alerta que foram identificadas “mutações preocupantes” em 11 sequências encontradas em cinco Estados e um deles é o Paraná.

Também foram encontradas variações preocupantes no Amazonas, Bahia, Maranhão e Rondônia.

Ainda conforme a  pesquisa, as amostras foram colhidas entre os dias 12 de março de 2020, no começo da pandemia, e 28 de fevereiro de 2021 e fazem parte da Rede de Vigilância Genômica Covid-19 da fundação.

O artigo é assinado por 31 pesquisadores e ainda será submetido a um processo de certificação e validação dos pares, que contará com a participação de outros pesquisadores da área para confirmar os métodos e resultados do estudo, ou seja não deve ser usado para orientar a prática clínica.

No documento, os pesquisadores reforçam ainda que é “urgente” a necessidade de verificar a eficácia de vacinas para variantes da doença e alertam para o risco da ausência de controle da transmissão do vírus.

A propósito a  compra direta da vacina russa Sputnik V por parte do estado do Paraná foi debatida entre deputados estaduais, deputados federais e prefeitos com o secretário executivo do Consórcio Nordeste, Carlos Gabas.

Foi apresentada a possibilidade de o Fundo de Investimento Direto da Rússia fornecer 13 milhões de doses do imunizante, além dos 37 milhões de doses já comprados pelo grupo formado pelos governadores do Nordeste.

O processo seria feito por meio do Consórcio Paraná Saúde.

 

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Marechal Rondon registra novo óbito por coronavírus nesta quarta-feira (05)

Morreu em Cascavel uma mulher de 75 anos

Marechal Cândido Rondon registra mais um óbito por covid-19, o de número 81.

Foi vitima uma mulher de 75 anos, cujos sintomas iniciaram no dia 19 do mês de abril como dispneia, cansaço, tosse e febre.

Ela procurou atendimento na UPA Marechal no dia 23, fez o exame que positivou para coronavírus, evoluindo três dias depois para ventilação mecânica.

No dia 25 ela foi transferida para o Hospital Universitário de Cascavel, onde faleceu nesta quarta-feira (05).

A mulher tinha como comorbidade hipertensão.

         Marechal Cândido Rondon segue com 90 casos ativos de covid-19; e destes 11 pessoas estão na UTI; 10 na UPA e hospitais; e 69 em isolamento domiciliar.

         São 306 rondonenses monitorados pelo call Center; e 64 pessoas aguardando resultado de exame, com uma internada.

Continue Lendo

Geral

Cronograma de vacinação contra a Covid-19 segue nesta quinta-feira em Iguiporã

A Secretaria de Saúde de Marechal Rondon organizou cronograma de vacinação contra a Covid-19 também nos distritos. A imunização acontece em pessoas com 60 anos ou mais.

A vacinação já aconteceu em Porto Mendes. Nesta quarta-feira a aplicação de doses acontece no posto de saúde de Margarida, atendendo também os moradores de São Roque.

Amanhã, quinta-feira, dia 06, o cronograma terá sequência na unidade de saúde de Iguiporã, atendendo também moradores de Bom Jardim.

A imunização acontece das 14h às 16h30, e objetiva facilitar o acesso das pessoas à imunização, que é muito importante para reduzir o número de pessoas infectadas pela doença e, consequentemente, as internações, casos graves e óbitos.

O cronograma segue na sexta-feira, dia 07, nos postos de saúde de Novo Três Passos e Novo Horizonte (moradores de Bela Vista deverão ir até Novo Horizonte).

 

Fonte: Assessoria 

Continue Lendo

Geral

Foguete chinês descontrolado pode cair na América do Sul no fim de semana

Foguete lançado pela China vai cair no planeta, não se sabe onde em quando – Foto: Reprodução

Essa vem da China, com certeza. Mas não se sabe onde vai parar… Foguete foi lançado, mas ficou em órbita e agora inicia queda sem rumo

Não saia de casa sem a máscara, mas também não deixe de olhar para cima. Um foguete lançado da Estação Espacial Chinesa na última quinta-feira (29) está voltando para a terra, porém em descida descontrolada. Há chances sim de atingir áreas habitadas. A previsão é de que caia no próximo fim de semana.

 

A notícia saiu no SpaceNews, nesta quarta-feira (5). O foguete foi usado para colocar o módulo Tianhe em órbita, mas um dos estágios não se distanciou o suficiente da órbita, após ser separado do foguete. Assim, aos poucos essa parte do foguete vem se aproximando da atmosfera da Terra. A queda certa, mas ainda não se sabe onde… nem quando exatamente. Mas vai ser em breve.

São 30 metros de comprimento e cinco de diâmetro, além de pesar 21 toneladas. Normalmente as matérias que entram na atmosfera queimam e se desintegram até chegar ao solo. No entanto, pelas dimensões, o estádio central do foguete chinês não deve se desintegrar por completo. Assim…

 

Há cálculos que estimam localidades, mas são imprecisos e, portanto, não são totalmente confiáveis. As azaradas da vez podem ser Nova York (EUA), Madri (Espanha) ou Pequim (China). Há risco de cair na América do Sul, mas o principal candidato é o Chile. Porém, não custa nada olhar para o céu vez em quando. Nunca se sabe.

 

Fonte: ndmais.com.b

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.