Conectado com

Agricultura

FPA debate a falta de insumos, embargo à carne brasileira e o aumento do custo de produção

Agência FPA

Para o deputado Sérgio Souza existe prejuízo para a população e para o produtor rural, que fica com a menor fatia da produção

A falta de insumos para o plantio da safra 2021/2022, o aumento do custo de produção e o embargo chinês à carne brasileira, que já dura sete semanas, foram os principais temas de debate, nesta terça-feira (26), na reunião-almoço da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA).

O presidente da bancada, deputado Sérgio Souza (MDB-PR), entende que o setor tem sido taxado como culpado por fazer chegar o alimento mais caro na mesa do brasileiro, mas, segundo ele, não é verdade. “O produtor rural tem o maior risco e fica com a menor fatia de toda a cadeia produtiva,” disse o deputado.

Sérgio Souza acrescentou que uma tonelada de insumo que o produtor pagava em torno de U$ 250, em janeiro, “hoje está custando U$ 800”. O deputado argumenta que mais de 80% dos fertilizantes para a produção agropecuária são importados e encarecem o processo produtivo.

 

Em relação ao embargo chinês à carne brasileira, o deputado Neri Geller (PP-MT) disse ver com preocupação a retaliação da China. “Nós da FPA estamos muito alinhados com os pecuaristas para resolver esse problema e na retomada das exportações. A arroba no meu estado, Mato Grosso, que estava R$ 340, passou para R$ 260, porque o nosso maior mercado está fechado. Cabe uma reflexão sobre a política externa de comércio, visando manter esses mercados abertos e fortalecendo a economia no nosso país,” frisou o deputado.

Falta de insumos

Sobre a possível falta de insumos e fertilizantes no Brasil, o deputado Evair de Melo (PP-ES) destacou que o problema pode gerar consequências para o setor produtivo e a sociedade brasileira. “Nessa ressaca da pandemia, nós corremos um risco de faltar a quantidade suficiente que o Brasil precisa para manter a base produtiva,” disse.

Evair disse ainda que o governo federal está empenhado em discutir internamente o tema “no sentido de abrir novas fábricas de fertilizantes para não faltar insumos agrícolas nas safras seguintes 2021/2022.”

 

Já o deputado Alceu Moreira (MDB-RS) ressaltou a força do agro brasileiro. “Na matriz produtiva o agro é muito importante, não podemos ficar dependendo de semicondutores de outros países. Nós temos fosfato para a produção de insumos e fertilizantes aqui no Brasil, por isso, precisamos ter estratégia para garantir a menor dependência do mercado mundial.”

Autocontrole

A proposta cria uma nova configuração ao modelo fiscalizatório do setor agropecuário no país e produz efeitos em diversas frentes. Seja ao modernizar regras de controle sanitário do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), seja ao estabelecer obrigatoriedade de adoção de programas de autocontrole pelos agentes regulados pela legislação da defesa agropecuária.

Na prática, possibilita que o Estado concentre suas ações no controle e na fiscalização de atividades de maior risco, sem enfraquecer o papel estatal conferido pela legislação vigente. Além disso, permite maior dinamismo e liberdade às atividades econômicas agropecuárias.

Relator do projeto na Comissão de Finanças e Tributação, da Câmara, o deputado Christino Áureo (PP-RJ), ressaltou a importância da votação do projeto amanhã (27) na CFT. “Este é um assunto da mais alta relevância e prioridade, que espero podermos aprovar com a devida urgência para que a proposta possa seguir para Comissão de Constituição e Justiça e assim, agilizarmos o processo” finalizou.

Fonte: Agência FPA
Continue Lendo
Publicidade

Agricultura

Presidente encabeça chapa única na eleição para diretoria do Sindicato Rural de Marechal Rondon

O presidente do Sindicato Rural Patronal de Marechal Cândido Rondon, Edio Chapla, encabeça a única chapa inscrita para a eleição da diretoria da entidade marcada para o próximo dia 17 de dezembro.

 

Além de Chapla, fazem parte da chapa para a direção executiva do Sindicato: Cevio Mengarda, como vice-presidente; Cesar Luiz Petri, na função de secretário; e Gianmarco Stoef, ao cargo de tesoureiro.

Como suplentes da diretoria estão os nomes de Leandro Ricardo Vivian, João Wochner, Ademir Luiz Griep  e Valdemar Luiz Schaeffer.

Já o conselho fiscal tem como inscritos: Gelso Kroessin, Jonas Leocir Vorpagel e Vilmar Fulber como membros efetivos; e Vilmar Dinnebier, Ricardo José Kemfer e Eleandro da Silva como suplentes.

Por sua vez, o candidato a reeleição à presidência, Edio Chapla, também aparece como delegado representante, e Gianmarco Stoef, Cevio Mengarda e Cesar Luiz Petri como suplentes.

A eleição para a diretoria do Sindicato Rural Patronal de Marechal Cândido Rondon está confirmada para o dia 17 de dezembro, das 08 às 17h00, e é importante o comparecimento de todos os associados.

O candidato a reeleição destaca que, caso receba o aval dos associados para permanecer no cargo, muitas ações prejudicadas pela pandemia do coronavirus deverão ser viabilizadas……

 

Continue Lendo

Agricultura

Prefeitura rondonense distribui cerca de 3600 doses de sêmen suíno

Foto: Assessoria

O investimento foi superior a R$ 52 mil, através da Secretaria de Agricultura e Política Ambiental

Ato realizado na manhã desta segunda-feira, dia 29, na sala de reuniões do gabinete, na prefeitura de Marechal Rondon, marcou a entrega simbólica para parte dos produtores beneficiados com sêmen suíno, previsto na Lei nº 5.138/2019, em atendimento ao Programa de Incentivos Para Melhoria da Produção Animal. O objetivo é fomentar a atividade por meio da compra e do fornecimento de doses de sêmen aos produtores de suínos, categoria iniciador.

Participaram do ato, além dos produtores, o prefeito Marcio Rauber, o secretário de Agricultura e Política Ambiental, Adriano Backes, e o médico veterinário da secretaria, Fernando Marques Salles.

Nesta etapa foram beneficiados 17 produtores, que receberam entre 200 e 270 doses de sêmen. No total, foram 3610 doses repassadas, ao valor de R$ 14,55, cada, totalizando R$ 52.525,50, através da Secretaria de Agricultura e Política Ambiental.

A quantidade de doses de sêmen que cada produtor tem direito é condicionada à adoção de medidas de preservação ambiental, sendo as doses distribuídas entre os proprietários que protocolarem pedido dentro do prazo estipulado.

“É um importante programa da administração municipal de incentivo aos suinocultores do município. Trata-se de material de alta genética, que de fato se reverte em maior desempenho nas propriedades rurais”, destacou o prefeito Marcio Rauber.

 

Fonte: Assessoria

Continue Lendo

Agricultura

FAEP e Sindicato pedem manutenção de energia em conta para a agropecuária

A Federação da Agricultura do Estado do Paraná, juntamente com seus Sindicatos Rurais, está reivindicando ao Governo Federal a manutenção de energia mais em conta para as atividades agropecuárias.

A solicitação foi encaminhada em mãos à ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, durante o 3º Congresso Internacional de Piscicultura, que se encerrada hoje em Foz do Iguaçu.

Quem dá detalhes a respeito é o presidente do Sindicato Rural de Marechal Cândido Rondon, Edio Chapla…

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.