Conectado com

Geral

Inscrições para Casamento Coletivo podem ser feitas ainda hoje no CRAS

Interessados devem confirmar inscrição ainda hoje no CRAS de MaL Rondon.

Termina nesta sexta-feira, o período de inscrições para os rondonenses que querem participar do Casamento Coletivo, uma promoção Secretaria Municipal de Assistência Social – por meio do Programa Justiça no Bairro.

Interessados em participar do Casamento Coletivo poderão procurar o CRAS ainda hoje, para confirmar inscrição.

O dia do “sim” será 17 de agosto, às 18 horas, na Unipar, em Cascavel, sendo que a prefeitura de MaL Rondon disponibilizará transporte para os noivos.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Josiane Laborde Rauber, para efetuar a inscrição, quando os noivos são maiores de 18 anos e solteiros, ambos devem apresentar RG e CPF, como também, comprovante de residência original e atualizada (conta de luz ou água) e certidão de nascimento.

No caso de alguém do casal ser divorciado, deverá apresentar também uma certidão de casamento com averbação de divórcio original, além da formal partilha de bens do processo de divórcio ou certidão negativa de bens.

Em se tratando de menores, a idade mínima é de 16 anos e deverão se dirigir ao CRAS com a presença dos pais, todos munidos de RG e CPF.

Outro requisito é a renda do casal, que não poderá ser superior a dois salários mínimos.

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Covid-19: servidores testam positivo e UBS do Santa Felicidade é fechada em Cascavel

O prédio deve passar por sanitização e abrirá nos próximos dias…

A Unidade Básica de Saúde do Bairro Santa Felicidade precisou ser fechada nesta quinta-feira, em Cascavel.

Alguns servidores que atuam na unidade testaram positivo para Coronavírus e por precaução o prédio foi interditado.

Uma ação de sanitização deve ser feita no prédio e a abertura deve acontecer nos próximos dias.

Os moradores que precisam de atendimento devem procurar a unidade do Bairro Nova Cidade, onde os funcionários da UBS estão atendendo.

Fonte: CGN

Continue Lendo

Geral

Projeções indicam que o Paraná será o último estado a sair da pandemia

Estudo mantém previsão de pico da epidemia em 24 de agosto

Atualização da projeção da plataforma de ciências de dados em saúde “Funcional Health Tech” , prevê o pico da pandemia de Covid-19 no Paraná para o dia 24 de agosto.

Se isso se confirmar, o estado seria, ao lado de Santa Catarina, o último a atingir o pico entre os 27 entes federados do Brasil e, por consequência, o último a se livrar da pandemia causada pelo novo coronavírus.

O adiamento do pico traz insegurança quanto à duração das medidas de isolamento social e quanto ao impacto econômico das medidas de prevenção, mas é, segundo as autoridades em saúde, a melhor forma de se enfrentar uma epidemia causada por um vírus contra o qual não há vacina e nem medicação com eficácia comprovada.

O adiamento do pico significa o achatamento da curva e indica que o Estado teve tempo para se preparar para adequar as estruturas de saúde para atender à nova demanda.

O pico mais tardio também tende a ser com um menor número de casos ativos simultâneos, fundamental para que o sistema de saúde não entre em colapso, conforme a diretora executiva da Funcional Health, Raquel Marimon.

Segundo as projeções da empresa de inteligência de dados, o Paraná atingiria seu pico com 66,7 mil casos ativos na última semana de agosto, o que corresponde a 0,6% da população.

Além disso, a projeção da Funcional Health é que o estado chegue, ao final da pandemia, a 334 mil casos confirmados, ou seja, quase 10 vezes mais que o numero atual de casos e, segundo a empresa, 2 milhões 340 mil paranaenses infectados pelo vírus, acrescentando os casos leves e assintomáticos que não foram ou serão submetidos ao teste diagnóstico.

Mesmo com a estimativa de que mais de 2 milhões de paranaenses acabem tendo contato com o vírus em algum momento, o estudo também indica vantagem do Paraná em relação ao restante do país.

As projeções indicam que 20% da população paranaense acabará contraindo o vírus.

Continue Lendo

Geral

Trabalhador morre soterrado em silos de milho na região

Foto: CGN

O trabalhador morreu soterrado dentro de um silo de soja de uma cooperativa, em Jesuítas.

O acidente aconteceu na tarde de ontem, quarta-feira, na empresa localizada às margens da PR 239, na saída para Iracema Do Oeste.

Inicialmente o relato era de que o trabalhador havia desaparecido.

Depois de aproximadamente três horas de buscas envolvendo uma o Corpo de Bombeiros de Toledo, em conjunto com funcionários da empresa, o corpo do trabalhador foi encontrado em meio aos grãos.

Ainda não se sabe como o trabalhador foi parar dentro do silo, mesmo com todas as orientações e equipamentos de segurança fornecidos pela empresa de armazenagem.

O caso será investigado pela Polícia Civil de Formosa do Oeste.

A vítima foi identificada como Antônio Vasconcelos, cujo corpo acabou sendo recolhido para necropsia no IML de Toledo.

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.