Conectado com

Geral

Mais um grupo de profissionais da saúde rondonense receberá a primeira dose da vacina contra a Covid-19

Assessoria

Vacinação acontecerá na terça-feira (23), à tarde. É necessário estar cadastrado no Setor de Epidemiologia

A Secretaria de Saúde de Marechal Rondon definiu novo cronograma de vacinação contra a Covid-19 para a próxima semana. Na terça-feira (23), das 13h30 às 16h30, no centro de eventos, no parque de exposições, mais um grupo de profissionais da saúde receberá a primeira dose da vacina. Serão disponibilizadas 170 doses. A entrada será pelo acesso ao lado do café colonial.
Para receber a dose, é necessário estar na lista do Setor de Epidemiologia. Para quem ainda não realizou o cadastro, basta enviar e-mail para vacinacovid@mcr.pr.gov.br, solicitando planilha, que deve ser preenchida com os dados para a vacinação e depois enviá-la novamente ao setor de saúde.

Nota

O Setor de Epidemiologia rondonense recebeu na tarde de quinta-feira, dia 17, um e-mail da Divisão de Vigilância do Programa de Imunização/CVIE/DAV do Paraná onde constam novas orientações técnicas de vacinação contra a Covid-19 do grupo prioritário “Trabalhadores da Saúde”.

São considerados

Segundo a nota, considera-se trabalhadores da saúde a serem vacinados na campanha, os indivíduos que trabalham em estabelecimentos de assistência, vigilância à saúde, regulação e gestão à saúde, ou seja, que atuam em estabelecimentos de serviços de saúde humana, a exemplo de hospitais, clínicas, ambulatórios, unidades básicas de saúde, laboratórios, farmácias, drogarias e outros locais.

Dentre eles, estão os profissionais de saúde que são representados em 14 categorias, conforme resolução n° 287, de 8 de outubro de 1998, do Conselho Nacional de Saúde: médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontólogos, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, profissionais da educação física, médicos veterinários e seus respectivos técnicos e auxiliares, agentes comunitários de saúde, agentes de combate às endemias, profissionais da vigilância em saúde e os trabalhadores de apoio (exemplos: recepcionistas, seguranças, trabalhadores da limpeza, cozinheiros e auxiliares, motoristas de ambulâncias, gestores e outros), profissionais que atuam em cuidados domiciliares (exemplos: programas ou serviços de atendimento domiciliar, cuidadores de idosos, doulas/parteiras), funcionários do sistema funerário, Instituto Médico Legal (IML) e Serviço de Verificação de Óbito (SVO) que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados e acadêmicos em saúde e estudantes da área técnica em saúde em estágio hospitalar, atenção básica, clínicas e laboratórios.

Os trabalhadores que atuam nos estabelecimentos de serviços de interesse à saúde das instituições de longa permanência para idosos (ILPI), casas de apoio e cemitérios serão contemplados no grupo trabalhadores da saúde e a recomendação é que também sejam vacinados.

O documento esclarece ainda que todos os trabalhadores da saúde dos estabelecimentos de assistência, vigilância à saúde, regulação e gestão à saúde serão contemplados com a vacinação, entretanto, a ampliação da cobertura deste público será gradativa, conforme disponibilidade de vacinas e risco de adoecimento do trabalhador, em função de sua atividade, ou seja, aqueles que atuam na assistência direta ao paciente terão prioridade.

Não estão contemplados

Conforme a nota, os trabalhadores dos demais estabelecimentos de serviços de interesse à saúde, como academias de ginástica, clubes, salão de beleza, clínica de estética, óticas, estúdios de tatuagem e estabelecimentos de saúde animal, não serão contemplados nos grupos prioritários elencados inicialmente para a vacinação.

Nenhuma descrição de foto disponível.

 

Nenhuma descrição de foto disponível.

 

Fonte: Assessoria

Geral

Marechal Rondon registra novo óbito por coronavírus nesta quarta-feira (05)

Morreu em Cascavel uma mulher de 75 anos

Marechal Cândido Rondon registra mais um óbito por covid-19, o de número 81.

Foi vitima uma mulher de 75 anos, cujos sintomas iniciaram no dia 19 do mês de abril como dispneia, cansaço, tosse e febre.

Ela procurou atendimento na UPA Marechal no dia 23, fez o exame que positivou para coronavírus, evoluindo três dias depois para ventilação mecânica.

No dia 25 ela foi transferida para o Hospital Universitário de Cascavel, onde faleceu nesta quarta-feira (05).

A mulher tinha como comorbidade hipertensão.

         Marechal Cândido Rondon segue com 90 casos ativos de covid-19; e destes 11 pessoas estão na UTI; 10 na UPA e hospitais; e 69 em isolamento domiciliar.

         São 306 rondonenses monitorados pelo call Center; e 64 pessoas aguardando resultado de exame, com uma internada.

Continue Lendo

Geral

Cronograma de vacinação contra a Covid-19 segue nesta quinta-feira em Iguiporã

A Secretaria de Saúde de Marechal Rondon organizou cronograma de vacinação contra a Covid-19 também nos distritos. A imunização acontece em pessoas com 60 anos ou mais.

A vacinação já aconteceu em Porto Mendes. Nesta quarta-feira a aplicação de doses acontece no posto de saúde de Margarida, atendendo também os moradores de São Roque.

Amanhã, quinta-feira, dia 06, o cronograma terá sequência na unidade de saúde de Iguiporã, atendendo também moradores de Bom Jardim.

A imunização acontece das 14h às 16h30, e objetiva facilitar o acesso das pessoas à imunização, que é muito importante para reduzir o número de pessoas infectadas pela doença e, consequentemente, as internações, casos graves e óbitos.

O cronograma segue na sexta-feira, dia 07, nos postos de saúde de Novo Três Passos e Novo Horizonte (moradores de Bela Vista deverão ir até Novo Horizonte).

 

Fonte: Assessoria 

Continue Lendo

Geral

Foguete chinês descontrolado pode cair na América do Sul no fim de semana

Foguete lançado pela China vai cair no planeta, não se sabe onde em quando – Foto: Reprodução

Essa vem da China, com certeza. Mas não se sabe onde vai parar… Foguete foi lançado, mas ficou em órbita e agora inicia queda sem rumo

Não saia de casa sem a máscara, mas também não deixe de olhar para cima. Um foguete lançado da Estação Espacial Chinesa na última quinta-feira (29) está voltando para a terra, porém em descida descontrolada. Há chances sim de atingir áreas habitadas. A previsão é de que caia no próximo fim de semana.

 

A notícia saiu no SpaceNews, nesta quarta-feira (5). O foguete foi usado para colocar o módulo Tianhe em órbita, mas um dos estágios não se distanciou o suficiente da órbita, após ser separado do foguete. Assim, aos poucos essa parte do foguete vem se aproximando da atmosfera da Terra. A queda certa, mas ainda não se sabe onde… nem quando exatamente. Mas vai ser em breve.

São 30 metros de comprimento e cinco de diâmetro, além de pesar 21 toneladas. Normalmente as matérias que entram na atmosfera queimam e se desintegram até chegar ao solo. No entanto, pelas dimensões, o estádio central do foguete chinês não deve se desintegrar por completo. Assim…

 

Há cálculos que estimam localidades, mas são imprecisos e, portanto, não são totalmente confiáveis. As azaradas da vez podem ser Nova York (EUA), Madri (Espanha) ou Pequim (China). Há risco de cair na América do Sul, mas o principal candidato é o Chile. Porém, não custa nada olhar para o céu vez em quando. Nunca se sabe.

 

Fonte: ndmais.com.b

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.