Conectado com

Geral

Ministério Público sobrevoa área e se diz contra reabertura da estrada do colono

Assessoria

O Ministério Público Federal em Foz do Iguaçu realizou na última semana sobrevoo de helicóptero no Parque Nacional do Iguaçu e constatou a regeneração total da vegetação na área do leito da antiga Estrada do Colono.

A reabertura provocaria gravíssimos danos ambientais 

A diligência foi realizada para instruir um inquérito civil que apura a possibilidade de reabertura da rodovia no interior do parque, entre os municípios de Serranópolis do Iguaçu e Capanema.

Projeto de lei que tramita na Câmara dos Deputados prevê a reabertura da estrada, sob a justificativa de restaurar as relações socioeconômicas e turísticas nas regiões Oeste e Sudoeste do Paraná, o que para o Ministério Público Federal representa grave risco para a Unidade de Conservação.

Durante o sobrevoo, o comandante da aeronave da Polícia Rodoviária Federal teve dificuldade de localizar a área da antiga estrada, devido ao completo estado de regeneração da floresta.

O antigo leito da estrada já desapareceu sob a vegetação, razão pela qual sua localização só foi possível por meio das coordenadas geográficas com uso de GPS.

A procuradora da República Daniela Caselani Sitta e o técnico de segurança institucional do MPF, Jean Matheus Tessari Wagner, observaram que da antiga estrada resta apenas uma “cicatriz” em meio à floresta, ou seja, um discreto “risco” em alguns pontos onde a mata regenerada no antigo leito ainda é mais baixa.

De acordo com o que foi apurado pelo MPF, a reabertura da estrada exigiria um desmatamento de 20 hectares dentro do Parque Nacional do Iguaçu, área que se regenerou nos últimos 16 anos, desde o fechamento definitivo da Estada do Colono por uma decisão judicial.

Para a promotoria, a reabertura da estrada provocará os seguintes danos ambientais: a “ruptura” do ecossistema, com o consequente isolamento de animais, pois algumas espécies não atravessam áreas desmatadas; erosão e assoreamento de cursos d’água; o chamado “efeito de borda”, que consiste na alteração nas condições microclimáticas (temperatura, umidade, insolação e vento ), e produz grande desequilíbrio no bioma como um todo; morte de animais por atropelamento; difusão de doenças e contaminação biológica devido ao tráfego de veículos e de pessoas; risco de degradação ambiental por acidentes de trânsito dentro do Parque, com o consequente vazamento de combustível; a facilitação da presença de pescadores, caçadores e palmiteiros.

Continue Lendo
Publicidade

Economia

Marechal Rondon terá racionamento de água a partir da próxima semana

A direção do Serviço Autônomo de Água e Esgoto, SAAE, anunciou hoje pela manhã que a partir da próxima semana será colocado em prática um programa de racionamento de água em Marechal Cândido Rondon.

De acordo com a autarquia, a falta de chuvas, o calor e o aumento de consumo nos últimos meses, colocam em risco o abastecimento e por conta disso medidas precisarão ser adotadas para que haja o consumo consciente de água, por parte da população de uma maneira geral.

Pelos números do SAAE, hoje são cerca de 20 mil unidades consumidoras, entre residenciais, comerciais e industriais, que consomem em média 15 milhões de litros de água por dia.

São 41 as fontes de produção, entre captações e poços artesianos que abastecem o SAAE e propiciam a distribuição entre as unidades de consumo .

Essas fontes hoje produzem em torno de 13 a 14 milhões de litros dia, portanto aquém da demanda de consumo e isso representa serio risco de falta de água potável em Marechal Cândido Rondon.

Quem explica as dificuldades e alerta para o racionamento a partir da semana que vem, é o diretor técnico do SAAE, Vitor Giacobbo….

 

Continue Lendo

Geral

Secretária de Saúde oficializa primeiro caso de sarampo em Toledo

Assessoria

Isso ressalta a importância de se vacinar 

A doença foi confirmada a partir de um exame feito no Laboratório Central do Estado e o paciente é um homem de 30 anos.

Os procedimentos de bloqueio vacinal seletivo nas pessoas que tiveram contato com ele já foram realizados.

Ele esteve em São Paulo e Curitiba e começou a apresentar os sintomas na semana passada.

Ao apresentar os primeiros sintomas, o paciente procurou atendimento e já foi orientado sobre o protocolo.

A Secretaria de Saúde realizou os procedimentos de notificação formal, coleta de material do paciente e encaminhamento para o Lacen.

A secretária de saúde de Toledo, Denise Liell, ressalta para a população a importância da vacina para quebrar esta cadeia de transmissão.

Ela destaca que a 2ª etapa da campanha contra o sarampo iniciou na segunda-feira passada para pessoas com idade de 20 a 29 anos.

No dia 30, as Unidades Básicas de Saúde também estarão abertas para vacinar o público alvo.

O sarampo já estava extinto no Brasil e agora retornou: é uma doença altamente infecciosa, e sua transmissão acontece de forma semelhante à gripe, por secreções respiratórias, como no espirro, tosse, entre outros.

Pode evoluir para complicações graves inclusive óbito, principalmente nas crianças.

Continue Lendo

Geral

Projeto social estimula a leitura no Lago Municipal de Mal. Rondon

A cidade de Mal Cândido Rondon está sendo agraciada com o projeto social constituído de um “Caminhão Biblioteca”, que leva cultura e educação às pessoas por meio de atividades que estimulam o hábito da leitura saudável.

Instalada no Lago Municipal Rodolfo Rieger, a Expolivro é uma iniciativa cristã do Instituto Vida para Todos – que é uma entidade sem fins lucrativos – e com o apoio da Editora Árvore da Vida.

Em Marechal Cândido Rondon, as ações estão sendo coordenadas por Rodrigo Lucietto, e além de promover a leitura gratuita na estrutura montada, também há livros para comercialização…

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.