Conectado com

Geral

Novo ciclone se aproxima do Paraná com menor intensidade: ‘Vem trazer o frio’, diz meteorologista

Novo ciclone se aproxima do Paraná com menor intensidade — Foto: Divulgação/José Fernando Ogura/AEN

Entre terça (7) e quarta-feira (8), um ciclone extratropical pode atingir novamente o Paraná. O alerta foi feito pelo Sistema Meteorológico do estado (Simepar).

Entretanto, segundo os meteorologistas, os transtornos serão menores do que os causados pelo temporal que atingiu o estado na terça-feira (30), pois o ciclone que se forma no Oceano Atlântico é menos intenso.

De acordo com o Simepar, os ciclones extratropicais são resultado de um sistema de baixa pressão atmosférica, que se forma sobre o oceano e se aprofunda na superfície.

“Vem trazer o frio. Os ventos podem chegar entre 60 km/h e 70 km/h. Chuva mesmo vai ocorrer entre terça e madrugada de quarta-feira”, explicou o meteorologista Paulo Barbieri.

De acordo com ele, a frente fria está em Santa Catarina, entre norte do Rio Grande do Sul e o sul do Paraná.

“A frente fria vai permanecer causando chuvas e ventos moderados, principalmente, nas regiões da metade sul do estado. Os raios não estão descartados. Na sexta-feira e sábado pode ter geada no Paraná”, alertou.

O meteorologista ainda afirma que toda frente fria que passa tem um ciclone que formou ela. Portanto, esses fenômenos acontecem todo ano.

“Toda hora tem ciclone, mas uns se intensificam mais que os outros. Da outra vez, a pressão atmosférica baixou muito rápido e causou ventos de mais de 100 km/h. O dessa semana não se aprofunda tanto, então não causa tantos estragos”, reforçou ele.

 

Ciclone que se forma no Oceano Atlântico é menos intenso — Foto: Divulgação/Simepar

Ciclone que se forma no Oceano Atlântico é menos intenso — Foto: Divulgação/Simepar

Conforme o Simepar, Curitiba e Cascavel podem ter mínima de 6º na quinta-feira.

Já Ponta Grossa e Guarapuava podem registrar mínima de 3º na sexta.

Registro do último temporal

Na terça-feira (30), o temporal atingiu diversas regiões do estado e causou estragos. Muitas famílias ficaram ser energia elétrica e sem abastecimento de água.

A velocidade dos ventos chegou a 120 km/h em algumas cidades. Também houve registro de queda de granizo em alguns municípios.

Segundo a Defesa Civil, o temporal atingiu 83 municípios paranaenses e afetou 27 mil pessoas. Cerca de 5,3 mil casas foram danificadas e 10 destruídas. Onze pessoas ficaram feridas durante a chuva com ventos fortes.

Temporal causou estragos em 70 cidades do Paraná, de acordo com a Defesa Civil — Foto: Divulgação/Defesa Civil

Temporal causou estragos em 70 cidades do Paraná, de acordo com a Defesa Civil — Foto: Divulgação/Defesa Civil

Em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, um homem morreu depois de cair da cobertura de uma igreja. De acordo com a Polícia Civil, ele estava consertando o telhado que foi destruído pelo vendaval.

Uma árvore caiu em um carro na Marechal Deodoro, segundo telespectadora — Foto: Maria Vitória Moreira Alves/Você na RPC

Uma árvore caiu em um carro na Marechal Deodoro, segundo telespectadora — Foto: Maria Vitória Moreira Alves/Você na RPC

 

Fonte: G1 Paraná

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Incêndio destrói depósito de madeiras em Palotina

Um incêndio foi registrado no final da tarde desta sexta-feira (em um barracão usado como depósito de madeiras, localizado nas proximidades do Mercado santo Antônio, em Palotina.
O Corpo de Bombeiros foi acionado para conter as chamas.

As causas do incêndio ainda serão apuradas.

Fonte: Correio do Ar

Continue Lendo

Geral

Unioeste inaugura obra e lança selo dos 40 anos de existência em Mal. Rondon

Em solenidade realizada na tarde de ontem, no campus de Marechal Cândido Rondon da Universidade Estadual do Oeste do Paraná, foi inaugurado o prédio dos programas de pós-graduação stricto sensu em Geografia e História.

Na ocasião, o diretor geral do campus, Davi Félix Schreiner, lançou o selo comemorativo aos 40 anos do campus rondonense e apresentou o projeto do Centro de Convivência, investimento já aprovado e que pode começar a ser construído ainda este ano.

Respeitando as medidas de prevenção ao coronavírus, o evento foi transmitido on-line, nas plataformas digitais da universidade, e, presencialmente, contou com a presença de várias autoridades, incluindo o  reitor da Unioeste, Alexandre Webber.

Os 40 anos da Unioeste em Marechal Cândido Rondon, incluindo o período de Facimar, será detalhado na edição deste sábado do quadro “A Personalidade da Semana”.

O entrevistado será o diretor-geral do campus local, Davi Schreiner..

 

Continue Lendo

Geral

IML aguarda exames para apontar causa morte de ex-ginasta que morava em Toledo

Divulgação

O Instituto Médico Legal de Toledo aguarda a chegada de novos exames para identificar a causa da morte da ginasta Ana Paula Scheffer, de 31 anos.

A jovem morava com os pais e faleceu na última sexta-feira, dia 16, na cidade de Toledo.

A causa da morte só deve ser conhecida após a chegada dos resultados dos exames laboratoriais, mas ainda não há previsão.

A informação inicial de que a morte teria ocorrido em função de um infarto fulminante chamou atenção, principalmente de profissionais da medicina, já que Ana Paula Scheffer sempre foi uma pessoa saudável.

Ana Paula representou o Brasil em competições internacionais importantes: em 2007 ela foi medalha de bronze no aparelho Arco, nos Jogos Pan Americanos, feito então era inédito para a modalidade.

Ela também participou do Campeonato Pan-Americano de 2005, jogos Sul-Americanos de 2006 em Buenos Aires e de 2010 em Medellin.

A ginasta também esteve no campeonato mundial de 2009, no Japão.

A atleta renomada que virou referência internacional estava atuando como treinadora no Centro de Iniciação ao Esporte Alice Martelli, onde repassava o conhecimento a mais de 200 crianças em Cascavel.

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.