Conectado com

Agricultura

Oeste em Desenvolvimento acompanha processo de reconhecimento do Paraná livre de aftosa

Com um  rebanho de quase 10 milhões de  bovinos e búfalos, distribuídos em 178.885 explorações pecuárias, o Paraná trabalha para ser  reconhecido pela Organização Mundial de Saúde Animal,  como Área Livre de Febre Aftosa sem vacinação.

Em outubro do ano passado o Estado foi autorizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento a suspender as campanhas anuais de vacinação contra  a doença, e em agosto deste ano, por meio da IN 52/2020, recebeu o reconhecimento nacional de livre de febre aftosa sem vacinação .

No momento o Estado segue os procedimentos para alcance do reconhecimento internacional pela OIE e inclusive realiza a atualização dos rebanhos através da Adapar.

Nesta semana porém  o protocolo do Estado para o Ministério da Agricultura, voltou a ser questionado, quando o médico veterinário, Nilson de Freitas Gouveia, na tribuna da Câmara de Vereadores de Marechal Cândido Rondon denunciou que a  Agencia de Defesa Agropecuária do Paraná não dispõe de profissionais em numero suficiente para exercer uma efetiva fiscalização na fronteira.

Segundo ele o número de servidores e a estrutura do órgão está longe de atender as necessidades da atividade rural paranaense, especialmente no Oeste.

Citou  como exemplo  a unidade rondonense da Adapar, que  conta hoje com apenas 1 médico-veterinário para atender cinco municípios.

A denuncia foi levada pela reportagem ao Programa Oeste em Desenvolvimento, entidade que atua na região junto com o Estado para o cumprimento de todos os protocolos exigidos no Brasil e pela OIE.

O presidente do POD , Danilo Vendrusculo afirma que apesar de alguns problemas, o Estado atendeu ao que foi exigido pelo MAPA para chegar a suspensão das campanhas de vacinação…….

 

Continue Lendo
Publicidade

Agricultura

Condições climáticas motivam preocupações para os agricultores da Região Oeste do Paraná

Falta de chuvas pode provocar atraso no milho safrinha lá na frente

Desde o fim do vazio sanitário no último dia 10, os produtores rurais já poderiam ter iniciado o plantio da soja, no entanto, sem previsão de chuva é melhor não arriscar.

Esta não é a primeira vez que o tempo seco atrasa o plantio das culturas de verão na região Oeste do Paraná: no ano passado aconteceu algo parecido.

Entretanto, o maior receio do produtor é que atrasando o início do ciclo com o plantio da soja, a colheita do milho safrinha seja prejudicada lá na frente.

Na Regional da Seab de Toledo, que abrange 20 municípios, incluindo Marechal Cândido Rondon, o plantio das culturas de verão deve chegar a 483 mil hectares.

A previsão de produção é de uma safra de mais de 1.800 toneladas.

De acordo com o Departamento de Economia Rural, 34% da safra já estão comercializados e, para garantir os bons resultados, os produtores aguardam com expectativa a chegada da chuva.

Todavia, o Simepar prevê para os próximos dias é céu aberto, o que aumenta a preocupação dos agricultores da região.

Ao detalhar a preocupação em relação as condições climáticas, o engenheiro agrônomo Renato Viebrantz, da Agrícola Horizonte de Marechal Cândido Rondon, faz algumas recomendações aos agricultores no momento da implantação das lavouras……..Ouça entrevista

Continue Lendo

Agricultura

Encontro amanha (12) sobre o ITR é destinado para produtores de M.C.Rondon e região

Acontece sábado de manhã (12) na Loja Agropecuária da Copagril de Marechal Rondon, evento para prestar esclarecimentos sobre o Imposto Propriedade Territorial Rural – ITR.

O encontro é destinado para os produtores rurais da região e é realizado pelo Isepe Rondon, através do curso de Ciências Contábeis.

A coordenadora do curso, Elisiane Salzer, dá mais detalhes sobre o evento, destacando a parceria Isepe, Copagril e Sindicato Rural de Marechal Cândido Rondon………..ouça entrevista….

 

Continue Lendo

Agricultura

Agricultores terão atendimento gratuito do Isepe Rondon sobre o ITR

O Curso de Ciências Contábeis da Faculdade Isepe Rondon vai realizar sábado (12)  das 09 às 12 horas junto a Loja Agropecuária da Copagril, um evento para prestar esclarecimentos sobre o Imposto Propriedade Territorial Rural – ITR.

Serão fornecidas orientações quanto a obrigatoriedade, casos de imunidade e isenção do imposto, bem como serão realizadas consultas das declarações anteriores com intuito de verificação da situação da declaração.

O evento acontece em parceria com a Cooperativa Copagril, Núcleo de Profissionais da Contabilidade e o Sindicato Rural de Marechal Cândido Rondon.

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.