Conectado com

Policial

Operação policial desmantela associação criminosa suspeita de desviar mais de R$ 13 milhões do Banco do Brasil

Mais de R$ 500 mil em dinheiro foram apreendidos nesta segunda-feira (13) — Foto: Polícia Civil

Em operação na manhã desta segunda-feira (13), policiais civis do 8º Departamento de Polícia Judiciária do Interior (Deinter-8), com sede em Presidente Prudente (SP), desmantelaram uma associação criminosa suspeita de desviar mais de R$ 13 milhões do Banco do Brasil. No total, foram presas 12 pessoas e apreendidos mais de R$ 500 mil em dinheiro.

As ações policiais foram desenvolvidas em seis cidades, nos estados de São Paulo e do Paraná:

  • Umuarama (PR),
  • Monte Castelo (SP),
  • Tupi Paulista (SP),
  • Osvaldo Cruz (SP),
  • São João do Pau d’Alho (SP) e
  • Nova Independência (SP).

A operação objetiva o cumprimento de 13 mandados de prisão temporária e 13 mandados de busca e apreensão domiciliares, além do sequestro de mais de R$ 4,5 milhões em bens frutos dos ilícitos, que estão em nome dos integrantes da organização, após representação levada pela Polícia Civil à Justiça.

A ação policial foi denominada Argentarii, em referência ao período romano em que os banqueiros eram os profissionais de depósitos, realizavam a coleta do dinheiro, guardavam e os emprestavam a outros clientes.

Esquema ‘sofisticado’

As investigações começaram em 2017, na Delegacia de Polícia de Euclides da Cunha Paulista (SP), cidade onde ficava situada a agência bancária vítima do crime, e foram concluídas pela 1ª Delegacia de Polícia de Investigações Gerais (DIG) da 8ª Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic).

Continue Lendo
Publicidade

Policial

PF deflagra operação contra importação ilegal de agrotóxicos

Foram expedidos 15 mandados de busca e apreensão e 10 de prisão

 

A Polícia Federal deflagrou, hoje (4), a segunda fase da Operação Terra Envenenada, com o objetivo de combater o ingresso, transporte e comercialização de agrotóxicos ilegalmente importados do Paraguai e da China. O produto entrava no Brasil pelo norte de Mato Grosso.

A Justiça Federal expediu 15 mandados de busca e apreensão e dez mandados de prisão, que foram cumpridos nas cidades de Sinop, Sorriso, Feliz Natal, todas em Mato Grosso, além de São Paulo, Campo Grande (MS) e Terra Roxa (PR).

Em nota, a PF informou que a investigação originou-se da análise do material e depoimentos colhidos na primeira fase da operação, quando foi desmantelada organização criminosa e apreendida mais de uma tonelada de agroquímicos contrabandeados ou adulterados.

“Desde essa etapa inicial, a Polícia Federal intensificou as investigações e identificou grandes grupos de fornecedores regionais e nacionais, cujos líderes e integrantes foram presos nesta data. Foram apreendidos documentos e materiais de interesse para investigação, agrotóxicos, além de armas irregulares”, informou a PF.

De acordo a PF, os investigados responderão por comercialização e transporte de agroquímicos de uso proscrito, constituição de organização criminosa, lavagem de dinheiro “e outros crimes que vierem a ser descobertos”. As penas variam de dois a dez anos de reclusão.

 

Fonte: Agência Brasil

Continue Lendo

Policial

Motociclista embriagado é abordado e preso em Marechal Cândido Rondon

Um crime de  trânsito por  embriaguez na condução de veiculo foi registrado pela PM rondonense

A equipe   visualizou uma motocicleta acessar uma conversão em contramão e trafegar ainda na contramão numa avenida da cidade, não especificada no boletim de ocorrências.

De imediato foi realizada a abordagem e  constatado que o condutor da motocicleta estava visivelmente alcoolizado  conduzindo a motocicleta Yamaha/XTZ .

Ele foi conduzido a sede da 2ª. CIA para realizar o exame do etilômetro que  apontou  0,64 miligrama por litro de sangue.

A   Yamaha/XTZ, sem placas,   foi  entregue  ao pátio do Detran e o preso foi entregue a 47ª.  DRP de  Marechal Cândido Rondon.

Continue Lendo

Policial

Mulher com coronavírus e marido embriagado se envolvem em confusão em Mal Rondon

No boletim de ocorrências da Policia Militar de Marechal Cândido Rondon , divulgado na madrugada desta quinta-feira, consta uma situação que exigiu intervenção dos policiais na noite de terça para quarta-feira , por embriaguez e desrespeito as normas de isolamento para pessoa com Covid-19.

O caso ocorreu em uma residência onde de acordo com  a denúncia, um homem em visível estado de embriaguez gritava palavras de baixo calão contra a vizinhança e ameaçava a todos de morte.

No local, conforme a PM  estavam várias  e o homem alcoolizado  foi abordado  e aos gritos denunciou  que a mulher nem deveria estar no local  pois estava com Covid positivo, o que foi  confirmado pela mesma.

De imediato os Policiais Militares  determinaram que  ela se afastasse e  retornasse para seu isolamento,  pois sua  presença  colocava em   risco a  vida de todas as pessoas presentes na ocorrência.

Foi  necessário o uso de algemas para colocar o homem embriagado no camburão da viatura para preservar a equipe policial no trabalho de conduzi-lo até a delegacia de Polícia para confecção de boletim de ocorrência pelas ameaças proferidas contra a vítima.

A mulher em isolamento também foi  qualificada  como autora na  ocorrência, pois  descumpriu  medidas de segurança e assim colocar a vida da equipe policial em risco.

O filho do casal que também era um dos ofendidos recusou representar contra o pai  e saiu do local  em direção a casa de sua mãe.

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.