Conectado com

Geral

Paranaenses pagam 3,6 vezes mais de pedágio do que os catarinenses

Divulgação

Um estudo realizado pelo grupo de Pesquisa em Mobilidade e Matriz Energética da Universidade Federal da Integração Latino-Americana comparou as concessões de rodovias no Paraná e em Santa Catarina e uma das constatações é alarmante: apenas neste ano, o paranaense já pagou 777 milhões a mais que os trechos catarinenses

 

 É grande a expectativa em torno do novo modelo 

 

No estudo “Reflexões sobre os pedágios do Paraná”, são comparados os valores das tarifas das cinco praças de pedágio entre Foz do Iguaçu e Guarapuava, administradas pela Ecocataratas, com as cinco praças de pedágio administradas pela concessionária Arteris, entre Curitiba e Palhoça, Santa Catarina, e apurou o faturamento das concessionárias.

A Ecocataratas, por exemplo, arrecadou, de 1º de janeiro a 15 de junho deste ano 150 milhões, 705 mil, 894 reais e 50 centavos.

A arrecadação de todas as praças de pedágio no Estado chegou a 1 bilhão,  067 milhões, 824 mil, 039 reais e 20 centavos.

Se as tarifas cobradas no Paraná fossem as mesmas praticadas em Santa Catarina, o faturamento na BR-277 seria de 41 milhões, 059 mil, 215 reais e 38 centavos e o do Paraná 290 milhões, 924 mil e 368 reais.

De acordo com Ricardo Hartmann, coordenador da pesquisa, essa diferença está relacionada ao modelo de concessão.

Ele disse que a concessão do Paraná foi realizada nos anos 1990 e, apesar de diversas tentativas, não foi possível alterar o contrato.

As experiências com as concessões do Paraná, de São Paulo e do Rio Grande do Sul serviram como aprendizado para as licitações realizadas já nos anos 2000, como a de Santa Catarina.

Hartmann afirma que a licitação de Santa Catarina leva em consideração apenas o critério de menor preço.

Os integrantes do grupo de pesquisa também avaliaram a necessidade de que os contratos garantam a qualidade da via, e, mais do que isso, que o usuário tenha acesso a essas informações de forma clara, podendo exercer seu direito de reivindicar atendimento às cláusulas do contrato.

 

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Consamu emite nota sobre acidente envolvendo ambulância em Cascavel

Catve

Direção esclarece que viatura não pertence ao consórcio

Consamu (Consórcio de Saúde dos Municípios do Oeste do Paraná) emitiu nota na tarde desta quarta-feira (22) sobre o acidente de trânsito envolvendo uma ambulância, registrado no no Bairro Santo Onofre, em Cascavel.

A direção explicou que, o veículo não pertence ao Consórcio, pois a viatura é de propriedade de Arapongas, município localizado na região Norte Central Paranaense.

Nota Oficial

A Ambulância do Samu envolvida em acidente automobilístico nesta terça-feira (21/9), no Bairro Santo Onofre, em Cascavel, não pertence ao Consamu (Consórcio de Saúde dos Municípios do Oeste do Paraná).

O veículo é de propriedade do Samu de Arapongas, município localizado na região Norte Central Paranaense.

O condutor da referida ambulância e uma técnica de enfermagem haviam encaminhado um paciente para internamento no HUOP (Hospital Universitário do Oeste do Paraná), em Cascavel, quando, instantes após, ocorreu um assalto, seguido de acidente automobilístico.

O motorista da ambulância foi rendido por um assaltante próximo do HUOP, armado com uma faca. O agressor conseguiu levar o celular da vítima e ainda desferiu-lhe uma facada na cabeça.

Em seguida, mesmo ferido, o condutor da ambulância perseguiu o agressor.

No cruzamento da Rua Avaetés, aconteceu forte colisão contra um carro. Com o impacto, a ambulância foi parar dentro de uma residência. A Polícia Militar realizou buscas pelo local, mas o agressor não foi localizado.

Os profissionais do Samu de Arapongas, bem como o condutor do automóvel envolvido no acidente, foram atendidos pelas equipes Consamu Oeste, em conjunto com equipes do Siate.

Em seguida, a Diretoria do Consamu se disponibilizou a apoiar a Secretaria de Saúde e a Coordenação do Samu de Arapongas nos encaminhamentos emergenciais referentes aos funcionários e veículo.

Redação Catve.com
Continue Lendo

Geral

Governador prestigia ampliação de indústria e oficializa obras viárias em Marechal Cândido Rondon

Assessoria

O governador do Paraná, Ratinho Junior, cumprirá agenda na tarde desta quarta-feira em Marechal Cândido Rondon.

Inicialmente ele participará de solenidade marcada para as 14h30 no Salão Social da AACC/Copagril, ocasião em que oficializará a execução de duas obras viárias no município.

Logo após, as 16h00, o governador vai prestigiar a inauguração da terceira torre de secagem da planta industrial da Sooro Renner, com a qual haverá a expansão para a produção de permeado non caking.

O prefeito Márcio Rauber destaca as novas obras que estão sendo viabilizas em parceria com o Governo do Estado…….

 

Continue Lendo

Geral

Primavera começa com previsão de pouca chuva

Imagem ilustrativa da internet

A primavera começa às 4 horas e 21 minutos da tarde desta quarta-feira.

De modo geral, nos períodos secos, o rápido aquecimento durante o dia forma ondas de calor, sobretudo nas faixas Norte e Oeste do Paraná .

Além disso, massas de ar frio e sistemas de precipitação se deslocando lentamente nas proximidades da Costa Sul do Brasil vão manter as temperaturas amenas a altas.

O meteorologista do Simepar, Reinaldo Kneib, explica como deve ser a temperatura nesta estação..

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.