Conectado com

Policial

Polícia Rodoviária Federal emite nota sobre determinação do presidente de retirar os radares móveis

O Portal oficial de notícias da Polícia Rodoviária Federal em Brasília emitiu na tarde de ontem, uma nota a imprensa sobre a determinação do Presidente da República, Jair Bolsonaro, da retirada dos radares móveis das rodovias federais.

 

A Nota diz:

 

Em cumprimento aos despachos do senhor Presidente da República, publicados no Diário Oficial da União de 15 de agosto de 2019, Seção 1, página 5, a direção-geral da Polícia Rodoviária Federal expediu decisão administrativa na qual determina a todos os gestores e servidores da PRF que adotem as providências necessárias para o imediato cumprimento da decisão Presidencial, devendo ser sobrestado o uso e recolhidos os equipamentos medidores de velocidade estáticos, móveis e portáteis até que o Ministério da Infraestrutura conclua a reavaliação da regulamentação dos procedimentos de fiscalização eletrônica de velocidade em vias públicas.

A decisão também determina que sejam revogados os atos administrativos internos que dispõem sobre a atividade de fiscalização eletrônica de velocidade em rodovias e estradas federais bem como que sejam adotadas as providências para a proposição de nova regulamentação, em paralelo e aderente à futura regulamentação do tema pelo Ministério da Infraestrutura, nos termos determinados pelos Despachos do Senhor Presidente da República.

Ainda, foi determinado que sejam priorizadas as medidas de revisão dos normativos internos que dispõem sobre a atividade de fiscalização de trânsito pela PRF, para apreciação da conveniência e oportunidade da modernização dos seus dispositivos, primando pela simplificação, desburocratização e consolidação por temática, contemplando instrumentos aptos a fomentar o caráter pedagógico e a otimizar a eficiência das ações para incremento da segurança viária.

Continue Lendo
Publicidade

Policial

Policia Civil de Marechal Rondon estoura “boca de fumo” no Bairro Botafogo

Delegado Rodrigo fala com exclusividade

Continue Lendo

Policial

Mulher de Pato Bragado é vitima de golpe de quase R$ 10 mil

Ela conseguiu identificar o crime antes e bloqueou o dinheiro

Por volta das 15 horas desta quinta-feira (29) compareceu no Destacamento da Policia Militar de Pato Bragado, uma mulher a qual relatou que na parte da manha, havia recebido contato via whatssap se identificando como Consultor Financeiro, e solicitado uma foto de seu RG, a fim de fazer o cancelamento de um cartão de crédito, e o ressarcimento de taxas, que segundo o consultor, chegariam a 199% ao ano.

Ato contínuo, por achar se tratar realmente de um consultor, a vítima repassou os dados.

Apos desconfiar, se dirigiu ate a agência bancaria de Pato Bragado, onde possui conta-corrente, e teria sido informada de que alguém havia solicitado um empréstimo no valor de R$ 9.920,76.

Sendo apurado que se tratava de golpe, e como o dinheiro ainda estava disponível na conta da vitima, foi feito o bloqueio do recurso, para que os estelionatários não conseguissem sacar.

O caso passa a ser investigado pela Policia Civil de Marechal Rondon.

 

 

Continue Lendo

Policial

Homem denuncia crime de injúria racial: “insinuaram que sou macaco”

Crime aconteceu enquanto vitima descarregava bananas em um mercado de Pato Bragado

  

Um caso de injuria racial foi registrado pelo Destacamento da Policia Militar de Pato Bragado.

O denunciante, que afirma ser negro, relatou que trabalhava no descarregamento de mercadorias – frutas – quando uma pessoa teria apontado o dedo para caixas com bananas e teria dito “Veja, olha o que você gosta”.

Diante do comentário, o cidadão afirmou que teria se sentido ofendido e descriminado, aja vista o duplo sentido do comentário que daria a entender que a pessoa teria o chamado de macaco e por isso resolveu registrar queixa.

 

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.