Conectado com

Economia

Secretário estadual de Fazenda projeta cenário pessimista para 2020

Depois de ter de lidar com uma previsão orçamentária otimista, feita pela gestão anterior, o secretário estadual de Fazenda, Renê Garcia, projeta um cenário bem mais pessimista para 2020.

A proposta de Lei Orçamentária Anual foi entregue no dia 30 de setembro na Assembleia Legislativa do Paraná, com uma estimativa de receita sem crescimento no ano que vem.

Conforme o secretário, a estratégia adotada para os próximos meses será de corte em despesas porque a arrecadação está muito abaixo da projeção.

O enxugamento nos gastos deve se estender para 2020, com redução na casa de 25% a 30% em todas as secretarias.

Segundo Renê Garcia, não se trata apenas de economias em custeio, uma vez que, segundo ele, esse tipo de gasto já estaria perto do limite.

Renê Garcia aponta que será necessário cortar investimentos e programas de políticas públicas, avaliando caso a caso, o que ele define como “ um chamamento à racionalidade”.

Renê Garcia destaca ainda que não se trata de contingenciamento, prática comum na execução orçamentária, que consiste em “segurar” uma parte dos recursos no início do ano para dar conta de pagar as despesas dos meses seguintes.

Para 2020, o secretário está prevendo cortes no sentido estrito da palavra e como há muitas despesas obrigatórias, como salários, em que a margem de negociação é baixa ou inexistente, ele alega que será necessário efetivamente segurar a máquina pública.

Continue Lendo
Publicidade

Economia

Loterias da Caixa ficam mais caras a partir de 11 de novembro; novos valores ainda não foram divulgados

(Foto: Arquivo/ABr)

A Caixa Econômica Federal confirmou ao Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) que recebeu autorização para reajustar os preços das loterias. O reajuste passará a valer em 11 de novembro deste ano. As alíquotas de reajuste, no entanto, ainda não foram divulgadas.

O reajuste das loterias é uma demanda da Caixa desde que o economista Pedro Guimarães assumiu a presidência da instituição.

No início deste mês, durante audiência pública na Câmara, ele havia afirmado que, apesar dos pedidos, o Ministério da Economia ainda não havia autorizado mudanças nos preços.

Em vídeo gravado na semana passada, que circula nesta segunda-feira na internet, Guimarães afirma que a autorização foi finalmente concedida.

“Quando tivemos reunião em julho, com o presidente da República, (Jair Bolsonaro), tínhamos seis pautas. Já realizamos cinco delas e hoje acabamos de realizar a sexta, que é a autorização para o reajuste, que estava atrasado, e mais do que isso autorização de ajuste anual”, afirmou Guimarães, sem citar porcentuais.

De acordo com a Caixa, já existe de fato autorização do Ministério da Economia para o reajuste, mas ainda não ocorreu a publicação de portaria, que trará os porcentuais de aumento. O reajuste das loterias é um fator importante para o IPCA – o índice oficial de inflação.

Continue Lendo

Agricultura

Ministra da Agricultura anuncia amanhã o fim da vacina contra a aftosa no Paraná

Brasil pode bater recorde nas exportações de carne bovina em outubro, caso o ritmo de vendas continue aquecido.

Anuncio será às 11 da manhã no Palácio Iguaçu

O governador do Paraná Carlos Massa Ratinho Junior e a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, anunciam amanhã a suspensão das campanhas de vacinação contra febre aftosa em rebanhos bovinos e bufalinos no Paraná.

As campanhas eram feitas duas vezes por ano, em maio e novembro.

A Instrução Normativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento , que será assinada nesta terça-feira, proíbe o uso e a comercialização de vacinas contra a febre aftosa no Paraná já a partir do dia 31 deste mês.

A Instrução Normativa também anuncia a restrição e o controle do ingresso de animais vacinados contra a febre aftosa no Paraná, medida que passa a vigorar no primeiro dia do ano que vem.

O anúncio acontecerá às 11 horas da manhã no Salão de Atos do Palácio Iguaçu, em Curitiba.

Por outro lado, o Brasil pode bater recorde nas exportações de carne bovina em outubro, caso o ritmo de vendas continue aquecido.

No acumulado de janeiro a setembro, o Brasil já exportou mais de 1 milhão de toneladas de carne bovina in natura e a expectativa é que o total embarcado em outubro fique em torno 184 mil toneladas, sendo que na primeira semana do mês o volume exportado ficou em 8 mil toneladas por dia.

Com a China se consolidando com o principal importador de carne bovina do Brasil, a tendência é que o total exportado fique em torno de 184 mil toneladas até o final deste mês.

Segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior – Secex -, a primeira semana deste mês registrou com uma média de 8 mil toneladas por dia.

O governo brasileiro está investindo na abertura de novos mercados na Ásia para exportar a carne bovina, suína e de frango.

A Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, anunciou que a efetiva abertura de mercado da Indonésia para a carne do Brasil está próxima, mas que ainda faltam alguns detalhes do acordo do Certificado Sanitário Internacional que precisa ser firmado pelos dois países.

Continue Lendo

Economia

Governador libera recursos para 09 municípios da Região Oeste

O governo do Estado confirmou ontem a liberação de 6 milhões e 300 mil reais para nove municípios da região Oeste do Paraná.

Os recursos, da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas e do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional, serão investidos em pavimentação de vias urbanas, reformas de escolas e ginásios esportivo, compra de equipamentos e construção de Centro de Eventos.

O governador Ratinho Junior esteve em Céu Azul, onde recebeu os prefeitos e autorizou as licitações e homologações dos projetos.

A maior parte dos investimentos é para Terra Roxa: 2 milhões e 300 mil, cuja Prefeitura vai aplicar na construção de um novo Centro de Eventos para atender a população.

As demais cidades beneficiadas são: Céu Azul, Corbélia, Formosa do Oeste, Foz do Iguaçu, Matelândia, São José das Palmeiras, São Miguel do Iguaçu e Três Barras do Paraná.

O governador também autorizou o investimento de 1 milhão e 235 mil reais na reforma de colégios estaduais de três municípios: a maior parte dos recursos vai para São Miguel do Iguaçu.

São 700 mil que serão aplicados para obras na cobertura da quadra esportiva do Colégio Estadual Castelo Branco.

Em Matelândia, o Colégio Estadual Euclides da Cunha vai receber reparos no telhado, piso, parte elétrica, além de pintura geral.

Já o Colégio Estadual Almiro Sartori, em Foz do Iguaçu, também receberá reparos no telhado e pintura geral.

O governador Ratinho Jr. destacou a política de levar obras estruturantes e desenvolvimento para as todas as Regiões do Estado..

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.