Conectado com

Geral

Vacinação contra febre amarela é intensificada no Paraná

Flavia Villela/Agência Brasil

Com a circulação do vírus detectado nos estados do Paraná, Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, a vacinação contra febre amarela está sendo intensificada na Região Sul. As ações de vacinação começaram no mês de agosto e seguem até dezembro, meses que antecedem o período sazonal da doença nos três estados, que ocorre de dezembro a maio.

Durante videoconferência do Ministério da Saúde autoridades de saúde do estado de Santa Catarina apresentaram um plano de ação para o enfrentamento da doença antecedendo o período sazonal. O objetivo é que os municípios façam busca ativa de pessoas não vacinadas.

A detecção da circulação do vírus na Região Sul ocorreu no início deste ano, no Paraná, no mês de janeiro; em Santa Catarina, em março. Em 2019, até o dia 31 de maio, foram confirmados 85 casos e 15 mortes causadas pela doença no país. No Paraná, o Ciclo 2018-2019 da Febre Amarela, que terminou em junho, registrou uma morte e 17 casos confirmados. Ao todo, foram 480 notificações da doença no estado.

A medida é preventiva e busca sensibilizar as equipes de vigilância, e vacinar a população a partir dos nove meses de idade. Também integra o cronograma de ações a organização da rede assistencial, os protocolos de manejo clínico e a investigação epidemiológica em áreas estratégicas.

A estratégia de vacinação nos estados do Sul, também terá ampliada a faixa etária do público-alvo. A recomendação é estendê-la às pessoas acima de 60 anos de idade, “pois está em consonância com a avaliação de risco que definiu as áreas prioritárias para as ações de vacinação”. Para as pessoas que viajam para áreas onde a vacina é recomendada, a orientação é tomar a dose pelo menos 10 dias antes da viagem.

“Precisamos melhorar nossas coberturas vacinais. O estado de Santa Catarina passou a integrar recentemente área de recomendação da vacina, por isso é necessária uma sensibilização ainda maior dos gestores e dos profissionais de saúde para juntos atingirmos a meta preconizada de 95%, e assim, evitarmos surtos e casos da doença”, informou a coordenadora do Programa Nacional de Imunizações, Francieli Fantinato. Ela destacou ainda a eficácia da vacina e alertou para a população não acreditar em notícias falsas: “A vacina da febre amarela é segura e salva vidas”.

De acordo com a coordenadora substituta de Vigilância de Arboviroses do Ministério da Saúde, Noely Moura, estudos mostram as possíveis rotas de dispersão do vírus da febre amarela, o que acende um sinal de alerta para a intensificação das ações de vigilância e vacinação, especialmente nessas áreas. “Modelos preditivos apontam para onde o vírus está se deslocando, e é com base nessas informações que precisamos centrar nossos esforços para nos anteciparmos nas ações, especialmente antes do período sazonal da doença. Esse é um momento muito importante, pois a vigilância está atuando antecipadamente, o que nos dá margem para mais sucesso em nossas ações de prevenção”, disse.

*Bem Paraná e Agência Brasil, com informações da Agência Saúde
Continue Lendo
Publicidade

Geral

Projeto Educacional Cooperativo da C.Vale oficializa escolas vencedoras

Foram premiados projetos de escolas de Nova Santa Rosa, Assis e Palotina

A Escola Municipal Getúlio Vargas de Nova Santa Rosa foi uma das três selecionadas pelos melhores projetos educacionais cooperativos .

A C.Vale premiou as escolas que desenvolveram os melhores trabalhos dentro da metodologia do projeto, cuja iniciativa envolveu escolas públicas e particulares de cinco municípios do Paraná que participaram do programa Coopejovem em 2019.

A premiação foi criada para valorizar e reconhecer atividades que estimulem a cooperação em sala de aula e o envolvimento das comunidades com as escolas.

O detalhamento dos projetos permitiu aos professores, equipes pedagógicas e direções conhecer ideias que podem ser aproveitadas em suas escolas.

Depois da premiação, os 170 participantes do encontro se divertiram com os truques de ilusionismo e as brincadeiras do mágico Arcanjo.

Três escolas foram selecionadas pelos melhores projetos educacionais cooperativos.

As professoras Elenir Bourscheid e Cledia Diniz, da Escola Municipal Getúlio Vargas, de Nova Santa Rosa, se destacaram com o projeto “Leiturando – Desenvolvendo o interesse pela leitura e cooperando com o colega”.

A Escola Municipal Ney Braga, de Assis Chateaubriand, foi premiada com o projeto “Disciplina e Cooperação, uma questão de atenção”, e esteve representada pela professora Clemensilva Carvalho.

O terceiro projeto selecionado foi “Pátio da escola: um espaço sócio-educacional cooperativo”, da professora Isolete Jung Gabriel, da Escola Luiz Moacir Percicotti, de Palotina.

Continue Lendo

Geral

Jovem baleado em São Clemente morre no Hospital Bom Jesus

Correio do Lago

O jovem Fernando Dutra, apelidado de “Tigrão”, de 23 anos, morreu nesta madrugada no Hospital Bom Jesus, em Toledo.

Ele não resistiu a gravidade dos ferimentos provocados por disparos de arma de fogo, na tarde do último domingo, em São Clemente, distrito de Santa Helena.

O rapaz estava em uma distribuidora de bebidas quando foi surpreendido por um homem, que sacou de um revólver e acionou o gatilho.

A vítima, em desespero, tentou fugir, mas foi seguida pelo atirador, até que caiu e acabou sendo atingida novamente.

Populares socorreram o jovem e o levavam para atendimento médico, mas próximo à pedreira de Sub-Sede, a unidade avançada do Samu encontrou-os e encaminhou o rapaz ao Pronto Atendimento Municipal de Santa Helena.

Em decorrência da gravidade dos ferimentos, Fernando Dutra foi transferido ao Hospital Bom Jesus, em Toledo, mas não resistiu e faleceu nesta madrugada.

Informações dão conta que o autor do crime se apresentou na Delegacia de Polícia de Santa Helena, foi ouvido e liberado.

Continue Lendo

Geral

Educandários rondonenses discutem calendário letivo 2020

Diretores de Centros Municipais de Educação Infantil, escolas municipais, colégios estaduais e particulares de Marechal Cândido Rondon, estiveram reunidos em assembleia para discutir o Calendário Escolar 2020.

Nos colégios estaduais, o início do ano letivo será no dia 05 de fevereiro, terça-feira.

Já na rede municipal de ensino, as aulas iniciam numa quarta-feira, dia 06 de fevereiro.

A secretária de Educação, Marcia Winter da Mota, dá mais detalhes da assembleia que discutiu o calendário escolar de 2020 de Marechal Cândido Rondon….

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.