Conectado com

Geral

Assembleia rejeita o projeto Escola Sem Partido

Orlando Kissner/Alep

Foram 27 votos contrários ao texto, 21 favoráveis e nenhuma abstenção

Em sessão tumultuada na Assembleia Legislativa do Paraná, ontem a tarde, com manifestantes sendo retirados a conta-gotas das galerias em meio aos acalorados discursos dos deputados, o projeto de lei batizado de Escola sem Partido acabou rejeitado no plenário da Casa.

Foram 27 votos contrários ao texto, 21 favoráveis e nenhuma abstenção.

Seis parlamentares não votaram , incluindo Ademar Traiano, que, na cadeira de presidente da Casa, é obrigado a votar apenas em caso de empate.

Já Luiz Carlos Martins, do PP, chegou a registrar presença no plenário, mas não votou.

Outros quatro políticos preferiram não participar da sessão e não se expor: Elio Rusch, do DEM; Hussein Bakri, do PSD,, que é líder da base de Ratinho Junior; Tercílio Turini, do PPS e Tião Medeiros, do PTB.

A proposta, que enfrentava seu primeiro turno de votação, era de autoria de Ricardo Arruda e do hoje deputado federal Felipe Francischini, que ontem circulou pelos corredores da Casa.

Com a rejeição ao texto, um projeto de lei semelhante só poderá ser reapresentado na atual legislatura se houver o apoio da maioria dos parlamentares – a Casa tem 54 cadeiras.

A regra está prevista no artigo 164 do regimento interno.

Derrotado, Arruda disse em entrevista à imprensa que agora aguarda uma deliberação por Brasília, através de uma proposta semelhante tramita no Congresso Nacional.

Arruda disse ainda que ficou surpreso com o placar e acrescentou que seu único objetivo era defender as crianças, as famílias e os valores.

Já Hermes Leão, presidente da APP-Sindicato, que representa os trabalhadores da educação, disse que recebe o resultado da votação com “alegria” e que não existe “doutrinação ideológica” nas escolas.

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Londrina recebe atletas para o ParaJaps

Acontecerá no próximo final de semana com inicio no dia 29 de Maio e segue até o dia 02 de Junho de 2024 em Londrina, o Jogos Parajaps – que é uma espécie de jogos abertos para pessoas com alguma tipo de deficiência. Conversamos com duas atletas e com sua treinadora que irão participar do ParaJaps representando Marechal Cândido Rondon. A Marla e a Irena, irão disputar a modalidade de arremesso de peso.

Em um bate papo com Adriana Franzmann que é a treinadora e as duas atletas rondonenses, elas falam da expectativa e ansiedade para as disputas.

 

 

Continue Lendo

Geral

Entrevista exclusiva com o COJEM

Acompanhe a entrevista completa onde as representantes do COJEM, Jaqueline Galvão, Presidente e Beatriz Strensk, Vice-presidente e Executiva, explicam um pouco sobre o que é o Conselho do Jovem Empreendedor de Marechal Cândido Rondon, quais suas metas, seus projetos, motivações e muito mais.

 

Continue Lendo

Geral

Pela primeira vez na história AMOP é presidida por uma mulher. A prefeita de Itaipulândia, Cleide Prates

Nesta sexta-feira (24) a prefeita de Itaipulândia, Cleide Prates, visitou os estúdios da Radio Difusora do Paraná, acompanhada do deputado estadual e líder do governo na Assembléia Legislativa, Hussein Bakri.

Cleide tem feito história sendo a primeira mulher a administrar Itaipulândia.

Outra conquista importantíssima é o fato de que pela primeira vez na história, uma mulher assume a presidência da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP).

Ela é vice-presidente na diretoria que tem como presidente o prefeito rondonense Marcio Rauber, que está em férias – fora do país.

Sendo assim, Cleide Prates assumiu interinamente a presidência da AMOP.

Ouça a entrevista da prefeita e presidência da AMOP, Cleide Prates, com o jornalista Maiko Bücker.

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.