Conectado com

Geral

Beto Richa entra com novo recurso no processo do programa “Patrulho do Campo”

Ele é acusado de fraude em obras de estradas rurais

O ex-governador Beto Richa entrou com novo recurso no Supremo Tribunal Federal pedindo a anulação da ação que ele responde na 13ª Vara Criminal de Curitiba, no âmbito da operação Rádio Patrulha, do Ministério Público Estadual, que investiga suspeitas de fraude em licitação do programa “Patrulha do Campo”, de obras em estradas rurais.

 

Richa é acusado de receber propina para favorecer empresas em licitação para a aquisição de máquinas.

 

A defesa do tucano pediu ao ministro do STF, Gilmar Mendes, relator do caso no Supremo, que o processo seja transferido para a Justiça Eleitoral.

 

O pedido tem como base decisão do STF de março deste ano segundo a qual crimes eleitorais como o caixa 2 que tenham sido cometidos em conexão com outros crimes como corrupção e lavagem de dinheiro devem ser enviados à Justiça Eleitoral.

 

Em outubro do ano passado, Beto Richa e outras 12 pessoas se tornaram réus, após o juiz Fernando Bardelli Silva Fischer, da 13ª Vara Criminal de Curitiba, acatar a denúncia do Ministério Público por corrupção passiva e fraude em licitação.

 

Segundo a acusação, empresários teriam oferecido dinheiro em troca do favorecimento na licitação do programa.

 

O valor acertado seria de 8% do valor bruto dos contratos.

 

Ao todo, aponta o Ministério Público teriam sido pagos 8 milhões, 152 mil, 474 reais e 44 centavos em propina.

 

Beto Richa, de acordo com a denúncia, era o principal destinatário final das vantagens indevidas prometidas pelos empresários, plenamente ciente das tratativas e reuniões realizadas.

Entre as provas está uma gravação em que ele trata de assuntos relacionados ao atraso do pagamento de propina com o delator e ex-deputado estadual Tony Garcia, além de aditivos contratuais determinados pelo então governador.

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Brasil tem 240 mortes e 6.836 casos confirmados de coronavírus, diz ministério

O Ministério da Saúde divulgou nesta quarta-feira (1º) o mais recente balanço nacional sobre os casos de Covid-19, doença causada pelo coronavírus Sars-Cov-2. Os principais dados são:

  • 240 mortes
  • 6836 casos confirmados
  • 3,5% é a taxa de letalidade

No levantamento anterior, divulgado na terça-feira (31), o Brasil tinha 201 mortes e 5.717 casos confirmados de pessoas infectadas pelo novo coronavírus.

Fonte: G1/Bem Estar
Continue Lendo

Geral

Ministério público ajuíza ação civil pública para o fechamento do comércio de Marechal Cândido Rondon

01/04/2020

Reportagem com Maiko Bucker

Confira abaixo a Ação Civil Pública

1.PeticaoInicial.ReaberturacomercioM.C.Rassinado

Continue Lendo

Geral

Marechal Rondon recebe mais doses da vacina contra a gripe

Assessoria

Vacinação acontecerá nesta quinta-feira em todos os postos de saúde

A 20º Regional de Saúde de Toledo encaminhou para Marechal Rondon mais uma remessa de doses da vacina contra a gripe. A vacinação terá sequência nesta quinta-feira, dia 02 de abril, em todas as unidades de saúde de Marechal Rondon para dois grupos prioritários: idosos e trabalhadores da área da saúde.

Para evitar aglomeração, serão montadas tendas em frente as unidades de saúde.

Junto ao CIS (Sistema Integrado de Saúde), antiga Unidade de Saúde 24 horas, na rua São Paulo (próximo à entrada da Farmácia Básica) haverá dois modos de vacinação. Um deles para as pessoas que vierem a pé e outro em sistema blitz “drive thru”, ou seja, onde não é necessário sair do carro para receber a vacinação. A rua será dividida e o lado direito será disponibilizado para quem vai participar da vacinação.

Vale lembrar que as vacinas são limitadas, conforme o envio da 20ª Regional de Saúde para cada município. O reabastecimento ocorrerá semanalmente, porém, conforme repassado pelo Ministério da Saúde, todas as pessoas pertencentes aos grupos prioritários terão doses de vacinas garantidas.

 

Fonte: Assessoria

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.