Conectado com

Geral

Beto Richa entra com novo recurso no processo do programa “Patrulho do Campo”

Ele é acusado de fraude em obras de estradas rurais

O ex-governador Beto Richa entrou com novo recurso no Supremo Tribunal Federal pedindo a anulação da ação que ele responde na 13ª Vara Criminal de Curitiba, no âmbito da operação Rádio Patrulha, do Ministério Público Estadual, que investiga suspeitas de fraude em licitação do programa “Patrulha do Campo”, de obras em estradas rurais.

 

Richa é acusado de receber propina para favorecer empresas em licitação para a aquisição de máquinas.

 

A defesa do tucano pediu ao ministro do STF, Gilmar Mendes, relator do caso no Supremo, que o processo seja transferido para a Justiça Eleitoral.

 

O pedido tem como base decisão do STF de março deste ano segundo a qual crimes eleitorais como o caixa 2 que tenham sido cometidos em conexão com outros crimes como corrupção e lavagem de dinheiro devem ser enviados à Justiça Eleitoral.

 

Em outubro do ano passado, Beto Richa e outras 12 pessoas se tornaram réus, após o juiz Fernando Bardelli Silva Fischer, da 13ª Vara Criminal de Curitiba, acatar a denúncia do Ministério Público por corrupção passiva e fraude em licitação.

 

Segundo a acusação, empresários teriam oferecido dinheiro em troca do favorecimento na licitação do programa.

 

O valor acertado seria de 8% do valor bruto dos contratos.

 

Ao todo, aponta o Ministério Público teriam sido pagos 8 milhões, 152 mil, 474 reais e 44 centavos em propina.

 

Beto Richa, de acordo com a denúncia, era o principal destinatário final das vantagens indevidas prometidas pelos empresários, plenamente ciente das tratativas e reuniões realizadas.

Entre as provas está uma gravação em que ele trata de assuntos relacionados ao atraso do pagamento de propina com o delator e ex-deputado estadual Tony Garcia, além de aditivos contratuais determinados pelo então governador.

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Projeto Educacional Cooperativo da C.Vale oficializa escolas vencedoras

Foram premiados projetos de escolas de Nova Santa Rosa, Assis e Palotina

A Escola Municipal Getúlio Vargas de Nova Santa Rosa foi uma das três selecionadas pelos melhores projetos educacionais cooperativos .

A C.Vale premiou as escolas que desenvolveram os melhores trabalhos dentro da metodologia do projeto, cuja iniciativa envolveu escolas públicas e particulares de cinco municípios do Paraná que participaram do programa Coopejovem em 2019.

A premiação foi criada para valorizar e reconhecer atividades que estimulem a cooperação em sala de aula e o envolvimento das comunidades com as escolas.

O detalhamento dos projetos permitiu aos professores, equipes pedagógicas e direções conhecer ideias que podem ser aproveitadas em suas escolas.

Depois da premiação, os 170 participantes do encontro se divertiram com os truques de ilusionismo e as brincadeiras do mágico Arcanjo.

Três escolas foram selecionadas pelos melhores projetos educacionais cooperativos.

As professoras Elenir Bourscheid e Cledia Diniz, da Escola Municipal Getúlio Vargas, de Nova Santa Rosa, se destacaram com o projeto “Leiturando – Desenvolvendo o interesse pela leitura e cooperando com o colega”.

A Escola Municipal Ney Braga, de Assis Chateaubriand, foi premiada com o projeto “Disciplina e Cooperação, uma questão de atenção”, e esteve representada pela professora Clemensilva Carvalho.

O terceiro projeto selecionado foi “Pátio da escola: um espaço sócio-educacional cooperativo”, da professora Isolete Jung Gabriel, da Escola Luiz Moacir Percicotti, de Palotina.

Continue Lendo

Geral

Jovem baleado em São Clemente morre no Hospital Bom Jesus

Correio do Lago

O jovem Fernando Dutra, apelidado de “Tigrão”, de 23 anos, morreu nesta madrugada no Hospital Bom Jesus, em Toledo.

Ele não resistiu a gravidade dos ferimentos provocados por disparos de arma de fogo, na tarde do último domingo, em São Clemente, distrito de Santa Helena.

O rapaz estava em uma distribuidora de bebidas quando foi surpreendido por um homem, que sacou de um revólver e acionou o gatilho.

A vítima, em desespero, tentou fugir, mas foi seguida pelo atirador, até que caiu e acabou sendo atingida novamente.

Populares socorreram o jovem e o levavam para atendimento médico, mas próximo à pedreira de Sub-Sede, a unidade avançada do Samu encontrou-os e encaminhou o rapaz ao Pronto Atendimento Municipal de Santa Helena.

Em decorrência da gravidade dos ferimentos, Fernando Dutra foi transferido ao Hospital Bom Jesus, em Toledo, mas não resistiu e faleceu nesta madrugada.

Informações dão conta que o autor do crime se apresentou na Delegacia de Polícia de Santa Helena, foi ouvido e liberado.

Continue Lendo

Geral

Educandários rondonenses discutem calendário letivo 2020

Diretores de Centros Municipais de Educação Infantil, escolas municipais, colégios estaduais e particulares de Marechal Cândido Rondon, estiveram reunidos em assembleia para discutir o Calendário Escolar 2020.

Nos colégios estaduais, o início do ano letivo será no dia 05 de fevereiro, terça-feira.

Já na rede municipal de ensino, as aulas iniciam numa quarta-feira, dia 06 de fevereiro.

A secretária de Educação, Marcia Winter da Mota, dá mais detalhes da assembleia que discutiu o calendário escolar de 2020 de Marechal Cândido Rondon….

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.