Conectado com

Geral

Cojem Marechal Rondon conquista classificação máxima em programa da Faciap Jovem

Pontuação demonstra a eficiência das práticas de gestão e a valorização do trabalho realizado ao longo do ano

 

O Conselho do Jovem Empreendedor de Marechal Cândido Rondon, núcleo ligado à Acimacar, foi reconhecido com o selo Araucária no Programa de Certificação de Conselhos da Faciap Jovem, o mais alto nível concedido aos conselhos no Paraná.

O Cojem Marechal alcançou 1000 pontos, um feito que demonstra a eficiência de suas práticas de gestão, valorização do trabalho realizado ao longo do ano visando o desenvolvimento de jovens líderes no município rondonense.

A entrega da certificação ocorreu durante o Jantar de Gala do Congresso Empresarial Paranaense, realizado pela Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado do Paraná (Faciap), em Foz do Iguaçu.

A certificação tem como objetivo elevar o nível de gestão e organização dos conselhos, através da implementação de iniciativas destinadas a resolver desafios comuns, além de reconhecer o esforço e a dedicação dos conselhos.

Com base em quatro pilares ( participação, organização, comunicação e liderança), o Programa de Certificação consiste em executar 14 tarefas entre 1º de agosto a 31 de outubro.

Para cada atividade realizada é conferida uma pontuação e os conselhos que alcançarem a pontuação mínima são certificados em três níveis: Capivara (nível 1) acima de 250 pontos, Gralha Azul (nível 2) acima de 500 pontos, e Araucária (nível 3) acima de 750 pontos.

Os nomes para cada grau da certificação foram inspirados em símbolos do Paraná.

A coordenadora do Programa de Certificação no Cojem Marechal, Jaqueline Galvão, destaca que o reconhecimento é reflexo do compromisso do conselho em contribuir para a formação de jovens líderes associativistas, além de ser uma forma de padronizar e documentar todas as ações e projetos desenvolvidos.

Já a presidente do Cojem Marechal, Alana Ferreira, expressou seu orgulho pela conquista do selo Araucária.

Para ela “a Certificação com o mais alto nível não apenas valida o desempenho acima da média do Cojem Marechal, mas também destaca nosso comprometimento em oferecer aos conselheiros oportunidades de se aperfeiçoarem e executarem ações em prol do seu desenvolvimento pessoal e profissional.”

 

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Prazo para pagar 2ª parcela do IPVA de veículos com finais de placa 5 e 6 vence nesta quarta

Os contribuintes do Paraná devem gerar as guias para pagamento por meio dos canais oficiais, como o Portal IPVA, os aplicativos Serviços Rápidos, da Receita Estadual, e Detran Inteligente, disponíveis para Android e iOS, ou Portal de Pagamentos de Tributos.

 

A Secretaria da Fazenda e a Receita Estadual informam que esta quarta-feira (21) é o prazo para pagar a segunda parcela do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2024 para veículos com placas terminadas em 5 e 6.

Os contribuintes que optaram pelo parcelamento em cinco vezes devem fazer o pagamento da segunda cota do imposto ao longo desta semana, sem a incidência de juros. É crucial ficar atento às datas de vencimento, que variam de acordo com o final da placa do veículo.

Assim como já ocorria em anos anteriores, as guias de recolhimento (GR-PR) não são enviadas pelos correios. A Fazenda e a Receita também não encaminham boletos por e-mail nem aplicativos de mensagens.

Os contribuintes do Paraná devem gerá-las para pagamento por meio dos canais oficiais, como o Portal IPVA, os aplicativos Serviços Rápidos, da Receita Estadual, e Detran Inteligente, disponíveis para Android e iOS, ou Portal de Pagamentos de Tributos.

OPÇÕES DE PAGAMENTO – Uma alternativa de pagamento do IPVA é o pix, por meio do QR Code inserido na guia de recolhimento, a partir de mais de 800 instituições financeiras. O pagamento nessa modalidade é compensado em até 24 horas e pode ser feito nos canais eletrônicos dos bancos ou por meio de aplicativos, não limitados aos parceiros do Estado.

Além disso, é possível pagar o IPVA com cartão de crédito, que permite parcelar os débitos em até 12 vezes. Neste caso, a Fazenda e a Receita chamam a atenção para as taxas cobradas pelas instituições operadoras. A tabela dos juros aplicados por cada uma delas está disponível AQUI.

ALÍQUOTA – A alíquota do IPVA no Paraná é fixada em 3,5% sobre o valor venal de carros e motos em geral. Para ônibus, caminhões, veículos de carga, de aluguel ou movidos a gás natural veicular (GNV) a alíquota é de 1%.

São tributados os veículos fabricados nos últimos 20 anos, ou seja, de 2004 em diante. Há isenção para algumas categorias específicas, como ônibus de transporte público, veículos de transporte escolar e veículo de propriedade de pessoas com deficiência, entre outros.

O IPVA representa uma das principais fontes tributárias do Estado, e 50% de sua arrecadação é destinada aos municípios.

ATRASO – A multa é de 0,33% ao dia mais juros de mora (de acordo com a taxa Selic). Após 30 dias de atraso, o percentual é fixado em 10% do valor do imposto.

SITES FALSOS – A Secretaria da Fazenda alerta os contribuintes sobre a existência de sites falsos relacionados à cobrança do IPVA. A recomendação é que as guias de pagamento sejam sempre geradas através dos sites oficiais, cujos endereços terminam com a extensão “pr.gov.br”, ou por meio dos apps da Receita Estadual e do Detran, que fornecem formas seguras de realizar os pagamentos.

Confira o calendário da segunda parcela do IPVA 2024, que vence em fevereiro:

Final de placa / Data

1 e 2 – 19/02 (vencida)

3 e 4 – 20/02 (vence nesta terça)

5 e 6 – 21/02

7 e 8 – 22/02

9 e 0 – 23/02

Fonte: AEN
Continue Lendo

Geral

Aprovado em 1ª votação reajuste de 5,5% dos salários dos servidores públicos municipais

Alto escalão da administração rondonense terá reajuste menor: 3,71%

A Câmara de Vereadores de Marechal Cândido Rondon aprovou ontem, em primeira votação, o Projeto de Lei 8/2024, do Poder Executivo.

O texto dispõe sobre o reajuste dos vencimentos dos servidores públicos ligados aos Governo Municipal, Câmara de Vereadores e Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), bem como dos proventos dos inativos e das pensões pagas pelo Município.

Segundo a proposta, a elevação da remuneração será de 5,5%, válida a partir de 1º de fevereiro deste ano.

Conforme o prefeito Marcio Rauber, trata-se de 3,71% de reposição inflacionária acumulada em 2023 e medida pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), e mais 1,79% de concessão de aumento.

O mesmo projeto de lei ainda prevê aumento salarial maior, em 1% a mais, aos servidores ocupantes dos cargos efetivos integrantes do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração do Magistério Público Municipal, perfazendo o total de 6,5%, aplicando-se o aumento também aos aposentados e pensionistas da categoria.

Por outro lado, o prefeito, vice-prefeito, secretários municipais e procurador-geral do município terão reajuste apenas pelo INPC.

Ainda foram aprovados ontem, em primeira votação, o Projeto de Lei 7/2024, do Poder Executivo Municipal, que fixa em R$ 2.824 o piso salarial dos cargos de Agente de Combate à Endemias (ACE) e de Agente Comunitário de Saúde (ACS), retroativo a janeiro deste ano; e os projetos de lei que aumentam o valor do vale-alimentação dos servidores municipais de R$ 600 para R$ 660.

Todos estes projetos passarão por nova votação nesta quarta-feira (21), em sessão extraordinária da Câmara de Vereadores marcada para as 7h45 da manhã.

 

Fonte: Assessoria

Continue Lendo

Geral

Deputado Dilceu Sperafico (PP/PR) assina pedido de impeachment contra Lula

Foto: Agência Progressistas

Proposta pela oposição, na noite do último domingo (18), a movimentação acontece após falas recentes do presidente comparando ações de Israel contra palestinos a nazistas contra judeus.

 

O deputado federal Dilceu Sperafico (PP/PR) que representa o Oeste do Paraná em Brasília assinou na manhã desta terça-feira (20) o pedido de impeachment do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Proposta pela oposição, na noite do último domingo (18), a movimentação acontece após falas recentes do presidente comparando ações de Israel contra palestinos a nazistas contra judeus.

Em contato com a nossa reportagem, o deputado apenas repassou que assinou o pedido e que assim que chegar na capital federal, irá se manifestar nas redes sociais e para a imprensa sobre o motivo que o fez assinar. Sperafico encontra-se neste momento em deslocamento para Brasília.

Até as 9h desta terça-feira, 111 parlamentares assinaram o pedido. Tal número deverá aumentar com a chegada da grande maioria dos parlamentares em Brasília no início da tarde de hoje.

Para os deputados de oposição, as falas de Lula podem configurar crime de responsabilidade. Em princípio, o documento deve citar a previsão de que é crime de responsabilidade contra a existência política da União “cometer ato de hostilidade contra nação estrangeira, expondo a República ao perigo da guerra, ou comprometendo-lhe a neutralidade”.

 

Com informações do Oeste Notícias

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.