Conectado com

Policial

Juiz amplia prazo para PRF voltar a usar radares móveis em rodovias

Divulgação

O juiz Marcelo Gentil Monteiro, da 1ª Vara Federal Cível do Distrito Federal, deu dez dias para a Polícia Rodoviária Federal voltar a usar radares móveis nas rodovias do país.

O uso de medidores de velocidade móveis e portáteis está suspenso desde agosto.

O prazo terminará na segunda-feira, contudo, na decisão assinada, o magistrado atendeu pedido feito pela União para ampliar o prazo da primeira decisão sobre o caso, assinada na semana passada, que determinou que a PRF volte a usar os radares.

Na petição encaminhada à Justiça, a Polícia Rodoviária alegou que é necessário “um conjunto complexo de medidas do ponto de vista logístico,

contratual, administrativo e de orientações, a serem deflagradas em caráter nacional” para dar cumprimento ao despacho.

Segundo o órgão, há dificuldade na distribuição dos equipamentos para unidades localizadas “nos mais diversos rincões do país”, manutenção

dos radares para uso de acordo com as especificações do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia e do Conselho Nacional de Trânsito, habilitação do sistema dos equipamentos para processamento das multas e providências contratuais para expedição das notificações e das penalidades.

No dia 11 de dezembro, o juiz atendeu a um pedido liminar feito pelo Ministério Público Federal e entendeu que a falta dos radares pode causar

danos à sociedade.

Os equipamentos móveis foram recolhidos em agosto após a publicação de um despacho do presidente Jair Bolsonaro, quando na ocasião, foram revogados atos administrativos sobre a atividade de fiscalização eletrônica de velocidade em rodovias e estradas federais.

A Advocacia-Geral da União anunciou que vai recorrer da decisão.

 

Continue Lendo
Publicidade

Policial

Falece policial rodoviário envolvido em acidente na BR-163 região do Posto Trovão Azul

Cabo Galles tinha 50 anos e morreu por complicações do acidente

Faleceu neste domingo (04) o policial militar rodoviário Cabo Galles, 50 anos, vitima de acidente de trânsito ocorrido no dia 08 de novembro na BR-163 trecho entre Marechal Rondon e Quatro Pontes, na região do Posto Trovão Azul.

Desde o ocorrido ele estava em tratamento, e por complicações de saúde não resistiu e faleceu hoje.

         Cabo Galles era o condutor de um automóvel Gol, placas Mercosul, que naquela data colidiu frontalmente contra uma Carreta carregada com 35 toneladas de milho, de Lageado – Rio Grande do Sul.

         O motorista do Gol ficou preso às ferragens e foi necessária a intervenção dos bombeiros militares, que prestaram os primeiros socorros e o encaminharam a UPA Marechal Rondon.

         Após o impacto inicial, a Carreta desgovernada tombou, cruzou a rodovia, saiu para o acostamento e bateu violentamente contra um poste de energia elétrica.

         A cabine literalmente “abraçou o poste” ficando completamente destruída e por sorte, o motorista nada sofreu.

         O caminhoneiro contou que carregou 35 toneladas de milho na cidade de Maracaju, no estado de Mato Grosso do Sul e tinha como destino o município de Encantado, no Rio Grande do Sul.

         Desde o acidente, o Cabo Galles, de 50 anos, vinha fazendo tratamento e por complicações, neste domingo não resistiu e faleceu.

         Ele residia no município de Ouro Verde do Oeste e por mais de 30 anos, atuava como policial militar rodoviário.

         Na região de ação da Terceira Companhia, por muitos anos trabalhou no posto rodoviário de Palotina, incluindo escalas no posto de Marechal Rondon.

Continue Lendo

Policial

Motorista é linchado até a morte após acidente de trânsito em Assis Chateubriand

Ele atropelou dois homens: um está em estado grave

A Policia Militar de Assis Chateubriand, foi acionada no começo da noite deste sábado (03) para atender inicialmente uma ocorrência de atropelamento, na Rua Minas Gerais, Jardim Progresso.

Quando chegaram no local, os militares constataram que o condutor do veículo envolvido no acidente estaria sendo linchado por populares.

A PM informou ainda, que haviam muitos populares no local da ocorrência, mais de 300 pessoas.

Os PMs visualizaram um homem desacordado, caído ao lado de um automóvel Fiat Palio, com grande quantidade de sangue ao seu redor e com muitos ferimentos na face.

Foi descoberto que o homem era o condutor do Palio, que teria atropelado duas pessoas, e que na sequencia, quatro homens deram inicio ao linchamento.

As pessoas atropeladas já haviam sido resgatadas pelo SAMU, sendo identificados como um homem de 64 anos, com ferimentos médios; e um homem de 46 anos, que em estado grave passou pelo Hospital de Assis Chateubriand, e foi transferido para Toledo.

Equipes do SAMU e da Defesa Civil tentaram reanimar o condutor do Palio que deu entrada no Hospital Beneficente, porém, não resistiu e faleceu.

Os médicos de plantão adiantaram que a vítima teve afundamento de face e crânio, com exposição de massa encefálica.

O automóvel Palio se encontrava com diversas marcas de sangue, vidros quebrados, e vários pedaços de tijolos encima dos bancos, inclusive um dos pedaços de lajota com cabelos que aparentavam ser da vítima.

O pedaço de madeira utilizado nos últimos golpes foi encontrado também com marcas de sangue e foi recolhido pela perícia.

De acordo com os investigadores, o veículo foi recolhido e o caso passa a ser investigado pela Policia Civil de Assis Chateubriand.

O motorista linchado foi identificado como Gilmar Bezerra Soares, de 48 anos, conhecido popularmente como “Indião”.

Com informaçoes e fotos Assis Urgente / Policial Web / Redação

Continue Lendo

Policial

Homem é baleado na frente de bar em Pato Bragado

Atirador chegou a pé, sacou a arma e efetuou os disparos

         Uma tentativa de homicídio foi registrada na noite deste sábado (03) no município de Pato Bragado, em frente a um estabelecimento comercial.

O boletim da Policia Militar não trouxe informações da ocorrência, sendo possível apurar de forma extraoficial, que a vitima estaria com mais amigos em frente a um bar, quando o atirador chegou a pé no estalebecimento comercial, sacou a arma e efetuou diversos disparos.

         Um dos projeteis atingiu um homem, na região do tórax, que foi socorrido e deu entrada no Hospital Vilela Capriotti, contudo, na madrugada de domingo (04) foi transferido pelo SAMU para Toledo, devido a gravidade do estado de saúde.

         A identidade da vitima não foi divulgada.

         Também não há informações sobre a possível motivação, identificação e prisão do atirador.

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.