Conectado com

Geral

Menos da metade do eleitorado rondonense fez o cadastramento biométrico

Em se tratando de comarca, 41,75% dos eleitores fizeram a biometria.

O prazo para o cadastramento biométrico de eleitores está na reta final e o número de cadastros na 121ª Zona Eleitoral de Marechal Cândido Rondon não atingiu ainda a metade do eleitorado.
A Comarca engloba, além do município rondonense, Pato Bragado, Entre Rios do Oeste, Mercedes e Quatro Pontes.
O Fórum Eleitoral rondonense atende a 50.190 eleitores e deste total, 41,75% fizeram a biometria.
Somente em Marechal Rondon, 42% dos eleitores compareceram ao Fórum.
De acordo com o chefe de cartório, Fábio Geahl, muitos locais de votação já não podem ser mais escolhidos pelos eleitores, por conta de ter atingido o limite de pessoas.
Ele explica que por conta disso, aqueles que, mesmo não residindo no local, tinham por hábito votar em tal lugar, terão que escolher outro local.
Informa ainda que é interessante que eleitores que têm o voto facultativo (analfabetos, maiores de 16 e menores de 18 anos e os maiores de 70 anos), façam a biometria.
Caso mudem de ideia e decidam votar nas próximas eleições, o cadastro biométrico será obrigatório na hora de votar: caso contrário, o título será cancelado.
Para este mês de julho, o atendimento no Fórum Eleitoral de Marechal Rondon conta com um horário diferenciado, das 10h às 16h, sem fechar para o almoço.
No mês de agosto, voltará o horário normal, das 12h às 18h.
O atendimento no fórum é por ordem de chegada e têm a preferência aqueles eleitores que fizeram o agendamento online, no site do TRE.
Para fazer o cadastramento biométrico, basta estar munido da carteira de identidade e comprovante de residência atualizado.
A biometria é uma tecnologia que vem sendo adotada pela Justiça Eleitoral desde 2008, para dar mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação.
Por isso, os cartórios eleitorais estão realizando recadastramento biométrico, para coleta de digitais, assinatura e foto do eleitor.
Daí o nome “biometria” – porque são coletados e armazenados dados físicos do eleitor.
Continue Lendo
Publicidade

Geral

Sicredi Aliança PR/SP disponibiliza R$905 milhões para o ano safra 2024/2025

A Sicredi Aliança PR/SP realizou na sede da cooperativa em Marechal Cândido Rondon o lançamento do Plano Safra 2024/2025 para engenheiros agrônomos e representantes técnicos.

Na ocasião, foram apresentados dados relevantes para o período e as principais mudanças com relação a safra anterior.

O Sicredi é um grande parceiro do produtor rural é a segunda maior instituição financeira do Brasil em carteira agro, totalizando R$ 87,4 bilhões em saldo.

A Sicredi Aliança PR/SP disponibilizará R$905 milhões para o ano safra 2024/2025, um aumento de R$13% com relação ao ano-safra anterior.

O Diretor de Negócios, Gilson Metz, destaca que no ano safra 2023/2024 a cooperativa atendeu mais de cinco mil associados onde liberou R$800 milhões.

Segundo Gilson, para esse ano a expectativa é grande e as equipes já estão prontas para atender os associados.

Gilson Metz agradece o apoio dos parceiros técnicos e dos associados que confiam ao Sicredi suas produções.

A Gerente de Crédito Rural da cooperativa, Gilhane Schiestel, alerta para mudanças no Proagro: segundo ela, além do Limite de cobertura de Proagro ter baixado para R$ 270 mil (anteriormente R$ 335 mil), deve-se buscar orientações junto as agencias e principalmente com sua assistência técnica sobre as melhores datas de semeadura em relação ao tipo de solo, ciclo da cultivar e município de plantio, a fim de evitar descontos na indenização do Proagro.

 

Continue Lendo

Geral

Policiamento reforçado em Terra Roxa após invasões e protestos

Foto: Flavio Frizon Portal Sou Agro

Secretário de Estado da Segurança participa de reunião hoje na cidade

A Secretaria de Estado da Segurança Pública anunciou ontem (16) que vai reforçar o policiamento em Terra Roxa, na região Oeste do Estado, onde nos últimos dias houve invasão a uma propriedade privada e protestos em relação a conflitos fundiários.

A fazenda fica próxima a uma área demarcada de responsabilidade da União.

O secretário da Segurança Pública, Hudson Leôncio Teixeira, participa de uma reunião nesta quarta-feira (17) na cidade sobre a situação.

O encontro deve reunir também representantes da Funai, Incra, Justiça Federal, Polícia Federal, Batalhão de Fronteira, Prefeitura de Terra Roxa, Ministério Público, sociedade civil e outros órgãos que estão debruçados na questão.

“Eu tenho certeza que vamos resolver isso com muito diálogo, com muita negociação. Existe uma tensão evidente na região. A responsabilidade da área não é do Estado, mas o governador Ratinho Junior determinou um reforço no policiamento para que não tenhamos nenhum episódio de violência”, afirmou ontem o Secretário Hudson Teixeira.

Também ontem (16) houve um protesto de agricultores solicitando o fim da invasão da fazenda.

Eles cobram ações mais enérgicas de políticos e da justiça para conter a invasão de terras por indígenas.

 

 

Fonte: SESP-Pr

Continue Lendo

Geral

Estádio Valdir Schneider é fechado para a prática de exercícios

Assessoria

A Secretaria de Esporte e Lazer de Marechal Cândido Rondon fechou ontem o Estádio Municipal Valdir Schneider, em virtude dos preparativos à Expo Rondon 2024, que ocorrerá de 24 a 28 de julho.

Palco dos shows, o estádio está recebendo as estruturas para a montagem do palco, camarotes, iluminação, tablados, entre outros.

Conforme o secretário municipal de Esporte e Lazer, Diogo Schneider, a reabertura da praça esportiva para que as pessoas utilizem a pista de atletismo para caminhadas e corridas está agendada para o início de agosto.

Também foi fechado ontem, o Ecoponto, instalado no parque de exposições de Marechal Rondon e que será reaberto, também assim como o Estádio Valdir Schneider, após a Expo Rondon.

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.