Conectado com

Geral

Reservatório com 5 milhões de litros de etanol em usina de MS explode e fica destruído pelo fogo

Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Um reservatório com 5 milhões de litros de etanol explodiu e ficou destruído pelo fogo, em uma usina sucroenergética, em Rio Brilhante, a 165 quilômetros de Campo Grande, na manhã desta terça-feira (17).

A usina Passa Tempo, que pertence ao grupo Biosev, informou que “tão logo identificou o incidente, acionou o protocolo de emergência para garantir a segurança de todos os colaboradores. O local foi evacuado, a Brigada de Incêndio e Corpo de Bombeiros foram acionados e estão no local para controlar as chamas e resfriar a área”.

Reservatório com 5 milhões de litros de etanol em usina de MS explode.  — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Reservatório com 5 milhões de litros de etanol em usina de MS explode. — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, que foi chamado para o local por volta das 6h (de MS), o fogo no reservatório está alto e o combate é feito por militares e funcionários da própria usina, totalizando cerca de 40 pessoas.

Um colaborador da empresa está desaparecido. Ele trabalhava perto do tanque no momento do incêndio. Um capacete usado por funcionários foi encontrado nas proximidades do reservatório.

Na usina há outros três tanques de etanol, os quais estão sendo resfriados para evitar outras explosões. Funcionários foram liberados e o local está isolado.

O Corpo de Bombeiros informou ainda que a usina está com a certificação de funcionamento em dia e com os equipamentos de combate a incêndio funcionando corretamente.

Nota oficial da Biosev

 

A Biosev informa que um tanque de etanol da Unidade Passa Tempo (MS) pegou fogo nesta terça-feira, dia 17. A empresa esclarece que, tão logo identificou o incidente, acionou o protocolo de emergência para garantir a segurança de todos os colaboradores. O local foi evacuado, a Brigada de Incêndio e Corpo de Bombeiros foram acionados e estão no local para controlar as chamas e resfriar a área. A companhia reitera que investe constantemente na segurança de seus processos e atua na prevenção e mitigação de riscos. Dessa forma, esclarece que irá colaborar com as autoridades competentes na apuração e identificação das causas do incêndio e prestará todos os esclarecimentos necessários.

Tanque de combustíveis destruído pelo fogo — Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação

Tanque de combustíveis destruído pelo fogo — Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação

Fonte: G1
Continue Lendo
Publicidade

Geral

Acimacar recebe Selo Sesi ODS 2020 por ações de combate a pandemia

Acimacar

Pelo segundo ano consecutivo, a Associação Comercial e Empresarial de Marechal Cândido Rondon (Acimacar) foi reconhecida com o Selo Sesi ODS, uma iniciativa do Sistema Fiep, por meio do Sesi no Paraná, que reconhece ações que contribuem para o alcance dos objetivos e metas da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável no Brasil.

Neste ano, o objetivo da iniciativa foi estimular as instituições paranaenses a assumirem o protagonismo na realização de boas práticas para a prevenção e combate da Covid-19, bem como ações pós-pandemia.

A Associação Comercial rondonense foi reconhecida por duas iniciativas: a campanha informativa “Cuide, Se Cuide e Exija Cuidado do Outro” e pela campanha promocional “Retoma Marechal – Uma Cidade Inteira em Promoção”.

O presidente da Acimacar, Ricardo Leites de Oliveira, destaca que “a Acimacar sente-se honrada em, mais uma vez, conquistar o Selo Sesi ODS e apesar de não desenvolver as ações para conquistar esse tipo de reconhecimento, mas, sim, para colaborar com o crescimento e desenvolvimento dos associados e do município.

O dirigente da entidade destaca que, no âmbito da Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais do Oeste do Paraná (Caciopar), a Acimacar foi a única a receber este reconhecimento em 2020.

Ricardo informou que “entre as Associações Comerciais do Paraná, apenas duas foram reconhecidas e uma delas é a Acimacar”.

Na categoria “Ações de Prevenção e Combate”, o reconhecimento foi para a campanha “Cuide, Se Cuide e Exija Cuidado do Outro” que teve como objetivo conscientizar a população e empresas a adotarem medidas de prevenção para contenção da propagação do Covid-19.

A ação foi desenvolvida por meio da produção de conteúdos informativos, matérias jornalísticas, vídeos com orientações trabalhistas, tributárias e de prevenção da Covid-19, veiculadas nas mídias sociais, jornais, sites, rádios, entre outros.

Nesta campanha, a Acimacar também apoiou o município de Marechal Cândido Rondon com o custeio das estruturas de divisórias para instalação dos 76 leitos do Hospital de Campanha.

Outro reconhecimento do Selo Sesi ODS 2020 foi para a campanha promocional “Retoma Marechal – Uma Cidade Inteira em Promoção”, na categoria “Ações Pós-pandemia” que teve o objetivo de estimular o consumo no comércio local, movimentando o setor econômico.

 

Continue Lendo

Geral

Estado amplia medidas para conter a circulação do coronavírus

AEN

O Governo do Estado ampliou as medidas restritivas para evitar a propagação do novo coronavírus e conter o aumento das infecções no Paraná. O decreto 6294/2020, editado nesta quinta-feira (03), estabelece, entre outras regras, a proibição de confraternizações e eventos presenciais que causem aglomerações com grupos de mais de 10 pessoas, excluídas da contagem crianças de até 14 anos. A exceção são ações sem contato físico, incluindo o modelo drive in. O documento é válido por 15 dias, prorrogáveis ou não.

O texto assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior prevê também a proibição da comercialização e do consumo em vias e espaços públicos de bebidas alcoólicas das 23 horas às 5 horas. A decisão acompanha o impedimento provisório na circulação de pessoas no mesmo período, medida em vigor no Estado desde a quarta-feira (02).

Apenas serviços considerados essenciais, regidos pelo decreto estadual 4.317/20, como saúde, segurança pública, limpeza pública, produção, distribuição e comercialização de alimentos, ficam liberados da restrição de circulação.

“Essas medidas são fundamentais. É claro que o vírus não tem horário, mas cerca de 15% dos nossos leitos de UTI são usados em decorrência de traumas. Em muitos casos por pessoas que bebem, pegam o carro e acabam se acidentando. Isso libera leitos para combater o coronavírus, para dar assistência a quem está contaminado”, ressaltou Ratinho Junior.

O decreto recupera medidas de duas resoluções da Secretaria de Estado da Saúde. A 734/2020 que autoriza a celebração de cultos religiosos desde que o espaço destinado ao público tenha ocupação máxima de 30%, garantido o afastamento mínimo de 2 metros entre as pessoas.

A medida começa a valer na segunda-feira (07) para dar tempo de as igrejas se organizarem. O texto recomenda que a população realize atos religiosos em casa, de forma individual ou em família.

Outra medida retomada é a resolução 632/2020, que trata do teletrabalho. O decreto estabelece que esse formato seja adotado para as funções que forem compatíveis no âmbito da administração estadual. As exceções são as secretarias da Saúde, Segurança Pública e Fazenda. Há ainda a orientação para que os demais Poderes, assim como municípios e entes privados acompanhem o regramento.

As novas resoluções da Saúde que entram em vigor são as de número  1433/2020 e   1434/2020.

APOIO INTEGRAL – As novas medidas restritivas foram elaboradas em conjunto com as 29 cidades que formam a Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec). Cada prefeitura agora vai redigir um decreto próprio, obedecendo as particularidades locais, mas a tendência é que acompanhem as normativas estabelecidas pela capital.

O Governo do Estado reforça que dará apoio integral às ações determinadas pela associação. A intenção é intensificar a fiscalização por meio da Polícia Militar e autoridades sanitárias com foco em evitar aglomerações e festas clandestinas.

O governador Ratinho Junior ressaltou que o decreto busca conter a movimentação de pessoas durante o período noturno, especialmente dos mais jovens. A iniciativa, reforçou ele, é para evitar aglomerações em parques, bares, festas, casas noturnas e estabelecimentos do gênero.

“É um dos piores momentos da pandemia. Precisamos da colaboração de todos, para que respeitem esse novo decreto, especialmente evitando aglomerações. Peço a ajuda do povo do Paraná para enfrentar esse vírus com inteligência”, afirmou.

BOLETIM – O boletim epidemiológico desta quinta-feira (03), por exemplo, revelou mais 2.628 diagnósticos confirmados de Covid-19 e 75 óbitos em decorrência da doença. O boletim registra também 2.784 casos confirmados retroativos do período entre 27 de abril e 1º de dezembro. Eles estavam em investigação, foram confirmados e automaticamente computados no sistema.

Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 291.244 casos e 6.259 mortes pelo novo coronavírus.

INTERNADOS – Nesta quinta-feira são 1.163 pacientes internados com diagnóstico confirmado de Covid-19. Destes, 870 ocupam leitos SUS (483 UTI e 387 em clínicos/enfermaria) e 293 da rede particular (81 UTI e 212 clínicos/enfermaria).

Há outros 1.547 pacientes internados, 536 em leitos UTI e 1.011 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI adulto exclusivos para pacientes suspeitos ou contaminados pela doença no Estado está em 88% e de enfermaria em 68%. A macrorregião Leste, que abriga a capital, região metropolitana e Litoral, apresenta 91% de ocupação em UTI e 68% em enfermaria.

A média móvel de casos teve um acréscimo de 16,9% em relação a 14 dias, enquanto a elevação na média de mortos foi de 23,4%. Os números são da Secretaria de Estado da Saúde.

Acesse aqui o decreto    6294/2020

 

Fonte: AEN

Continue Lendo

Geral

Pato Bragado faz campanha de recolhimento de pneus inservíveis

Assessoria

A Secretaria de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente, com apoio da pasta de Obras, Viação e Urbanismo e Associação Bragadense de Catadores, estão buscando juntamente com os empresários do ramo de borracharias e a população, amenizar  o grave problema ambiental e social, decorrente do acumulo de pneus usados  realiza mais uma edição da Campanha Anual de Coleta e Destinação Correta de Pneus Inservíveis.

A campanha  está em andamento e o prazo final para destinação dos pneus nas borracharias, é 11 de dezembro.

O descarte correto pode ser realizado em postos de coletas instalados na Borracharia do Sadi, Borracharia do Atílio, Borracharia Korthais e Borracharia JVS.

Os pneus coletados serão recolhidos por uma empresa de reciclagem, diminuindo, assim, o impacto ambiental, causado pelo descarte incorreto dos pneus inservíveis e auxiliando no trabalho de prevenção e controle da proliferação de mosquitos transmissores de doenças.

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.