Conectado com

Política

Resistência contra adiamento das eleições se mantém na Câmara Federal

A expectativa é que se resolva o assunto nesta semana

Os esforços do presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Luís Roberto Barroso, e dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia , e do Senado, Davi Alcolumbre, feitos em conjunto com autoridades sanitárias para o adiamento das eleições municipais poderão ser obstruídos pelos deputados federais.

Isso porque há forte resistência na Casa para colocar em votação o texto da PEC 18/20 aprovada no Senado na semana passada que prevê, entre outras medidas, a mudança nas datas do pleito, de 4 e 25 de outubro para 15 e 29 de novembro.

Um dos líderes do centrão, o deputado federal paranaense, Ricardo Barros, já adiantou que é contra a mudança no calendário eleitoral e argumenta que a tramitação da PEC fere o regimento interno da Câmara.

Segundo ele o rito de uma PEC exige formação de uma comissão especial, 40 sessões de debates, e depois votação de dois turnos e portanto o regimento só poderá ser superado se não houver nenhuma objeção.

O argumento de Barros vai no sentido contrário das falas de Rodrigo Maia, que vê pressão política, sobretudo dos atuais prefeitos, que resistem à mudança de data.

A avaliação no meio político é que para os prefeitos que tentarão a reeleição a visibilidade proporcionada pelas ações municipais de combate à Covid-19 perderá força com as eleições ocorrendo somente em novembro.

O presidente da Câmara diz estar dialogando com os líderes para avançar na proposta de adiamento das eleições enquanto Ricardo , que foi Ministro da Saúde do governo Temer, minimiza os efeitos da pandemia para a realização do pleito em outubro.

Apesar de alguns renomados juristas afirmarem que alongar os mandatos dos atuais prefeitos seria inconstitucional, Ricardo Barros argumenta que a mudança de data é prerrogativa do Congresso e considera impossível a interferência do STF.

Continue Lendo
Publicidade

Destaque Empresarial

Portinho assume Secretaria de Industria, Comercio e Turismo e fala das primeiras ações

Continue Lendo

Geral

Neco é empossado vereador de Marechal Cândido Rondon

Em solenidade realizada nesta quarta-feira no plenário do Poder Legislativo de Marechal Cândido Rondon, foi empossado como vereador Dorivaldo Kist, o NECO, na vaga deixada pelo vereador reeleito Adriano Backes, que assumiu a Secretaria Municipal de Agricultura e Politica Ambiental.

O ato de posse foi dirigido pelo presidente da Câmara, Pedro Rauber, e contou ainda com a presença dos vereadores Sargento Dionir (1°Secretário), Iloir Padeiro (2º Secretário), Claudio Kohler, Valdir Port (Portinho), Cristiano Metzner (Suko) e João Eduardo (Juca).

Nas eleições de 2020 Neco concorreu pelo DEM e recebeu 686 votos, ficando na 1ª suplência.

Neco fala sobre seu terceiro mandato como vereador de Mal Rondon    …………………………gravação……………………………….

Continue Lendo

Geral

Mesmo com férias coletivas, Pato Bragado mantém serviços na área da saúde

Foto: Marili Koehler

Neste inicio de ano a administração pública de Pato Bragado segue com cronogramas especiais nas secretarias da municipalidade, por conta do período de férias coletivas, ou seja, todas as pastas mantêm plantões para atendimento da população.

Alguns serviços, porém, não foram paralisados, como é o caso da Secretaria de Saúde.

Segundo o titular da pasta, vice-prefeito John Nodari, serviços de urgência e emergência, além de atendimentos na UBS, Farmácia Básica e agendamentos, continuam normalmente……………………….gravação……………….

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.