Conectado com

Política

Schiavinato desmente que tenha assinado CPI contra o ministro Sérgio Moro

Divulgação

Um grupo de deputados pediu a instauração de um CPI para investigar a conduta de Sérgio Moro quando ele atuava como juiz da 13ª Vara Federal de Curitiba e era responsável pelos processos da “lava jato”.

O requerimento foi feito com base nos diálogos que revelam relações próximas entre o ex-juiz Sergio Moro e membros do Ministério Público Federal do Paraná, revelados em uma série de reportagens publicadas pelo site The Intercept Brazil.

Os parlamentares alegam que as mensagens levantam suspeitas de que o atual ministro da Justiça e membros do MPF agiram com parcialidade e motivação política na investigação de processo da “lava jato”.

O requerimento também destaca que mensagens atribuídas a Deltan Dallagnol colocam em dúvida a solidez da denúncia contra o ex-presidente Lula, no caso do tríplex do Guarujá.

O texto destaca, ainda, o papel de Sérgio Moro na coordenação de trabalhos investigatórios.

Conforme o regimento da Câmara, é preciso o apoio de um terço do total de deputados – ao menos 171 assinaturas – para o pedido de instauração da CPI.

Comentários passaram a circular dando conta que o deputado federal José Carlos Schiavinato teria sido um dos parlamentares que assinaram o pedido de CPI em desfavor do ministro Sérgio Moro.

Segundo Schiavinato, isso é uma grande mentira.

Continue Lendo
Publicidade

Política

Lula e Bolsonaro devem receber confirmações de apoio ainda hoje

PDT, PSDB e Cidadania fazem reuniões durante o dia

 

As cúpulas de PDT, PSDB e Cidadania farão reuniões hoje  para definir quem apoiarão no segundo turno para presidente da República.

O ex-presidente Lula  e o presidente Jair Bolsonaro  receberam 91,6% dos votos e vão disputar o segundo turno das eleições deste ano.

Com 99,9% das urnas apuradas até  a manhã desta terça, Lula havia recebido 57 milhões e 200 mil  votos (48,4%), e Bolsonaro, 51,07 milhões de votos (43,2%).

No primeiro turno, PSDB e Cidadania apoiaram a candidatura de Simone Tebet (MDB).

No domingo , assim que foi confirmado o segundo turno entre Lula e Bolsonaro, Tebet fez um pronunciamento no qual não informou quem iria apoiar, mas disse que a decisão já estava tomada e que ela ficará “ao lado do povo”.

Já o PDT teve o ex-governador do Ceará,  Ciro Gomes como candidato a presidente.

Durante a disputa, disse que “qualquer imbecil” sabe as diferenças entre Lula e Bolsonaro, mas criticou os dois candidatos com frequência, afirmando que os dois buscariam implementar o mesmo modelo econômico.

As decisões relacionadas a quem apoiar no segundo turno, devem ser anunciadas até o final da tarde.

Continue Lendo

Política

Juiz eleitoral esclarece sobre proibições na campanha do 2º turno eleitoral

Conforme prevê a Resolução  do Tribunal Superior Eleitoral  a propaganda eleitoral no segundo turno  para presidente da República será veiculada na televisão de segunda à sábado das 13  às 13h10 e das 20h30 às 20h40.

No rádio, a propaganda para presidente vai ao ar de 7h às 7h10 e de 12h às 12h10.

De acordo com o artigo 62, o candidato que obteve maior votação no primeiro turno, no caso Lula,  será o primeiro a se apresentar, seguindo a alternância da ordem a cada programa ou inserção.

Além disso, as emissoras devem reservar, de segunda a domingo, 25 minutos para cada cargo em disputa para veiculação das inserções de 30 e 60 segundos ao longo da programação.

Sobre as proibições em relação a campanha, a  juíza da 121 zona eleitoral, Dra. Berenice Nassar, explica…

 

Continue Lendo

Agricultura

Sperafico agradece votos e reassume compromisso com o agronegócio

Foto: Reprodução Instagram @dilceusperafico

Com as eleições do legislativo finalizadas no último domingo, a bancada ruralista prevê renovação dos seus representantes pelos próximos quatro anos.

Atualmente, a Frente Parlamentar da Agropecuária conta com 280 congressistas, 200 deles disputaram a reeleição e 133 saíram vitoriosos, sendo 126 deputados federais e 7 senadores.

Entre os deputados reeleitos está o presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária, deputado federal Sérgio Souza, e como novidade aparece o retorno como deputado do empresário e agropecuarista Dilceu Sperafico, sócio-proprietário da Rádio Difusora do Paraná….

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.