Conectado com

Geral

Viagens de fim de ano custarão mais caras no Paraná em razão do pedágio

 As novas tarifas deverão entrar em vigor ainda neste ano

 

A Justiça Federal atropelou a Agência Reguladora do Paraná, e, além de impedir a redução das tarifas a preço de custo para compensar erro de cálculo que permitiu majoração irregular, ainda autorizou a Ecocataratas a aplicar o reajuste anual que havia sido suspenso por 60 dias pela Agepar.

Com isso, os pedágios da BR-277 entre Foz do Iguaçu a Guarapuava devem ficar 7,6% mais caros a qualquer momento.

Em nota, a empresa informou na noite de ontem que ainda não tem previsão de mudar os valores.

A Agepar informou que irá recorrer dessa decisão, uma vez que, “em razão dos erros verificados, no caso, degrau tarifário e depreciação, não há base segura para aplicação de reajuste”.

Em novembro, a Agepar determinou que a Ecocataratas e a Ecovia reduzissem as tarifas de pedágio a valores de custo para compensar reajustes irregulares concedidos a partir de erros de cálculo.

A Agência não chegou a divulgar quanto teria que ser devolvido, apenas informou que, mesmo que as tarifas fossem zeradas até o fim da concessão, ainda assim faltariam R$ 120 milhões a serem compensados.

O processo chegou ao Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná dia 18 de dezembro, mas não teve andamento.

Segundo a Agepar, o DER deveria apresentar as novas tarifas, considerando o valor mínimo – e sem reajuste -, para que fossem aplicadas ainda em 1º de dezembro, o que não chegou a acontecer.

Diante da demora, a Agepar decidiu suspender a aplicação do reajuste contratual solicitado.

Também com revés na Justiça Federal, a Viapar reajustou ontem as tarifas de pedágio nas praças de Arapongas, Marialva, Presidente Castelo Branco, Floresta, Campo Mourão e em Corbélia.

As novas tarifas em todas as praças de pedágio do Paraná deverão entrar em vigor ainda neste ano.

 

 

Continue Lendo
Publicidade

Geral

Prova do PSS para professores acontece neste sábado (24) em Mercedes

Assessoria

58 candidatos (as) estão inscritos para realizar a prova

 

58 candidatos (as) deverão realizar a prova do Processo Seletivo Simplificado (PSS) para contratação de professores (as) e formação de cadastro de reserva do Município de Mercedes.

A avaliação será aplicada neste sábado (24), na Escola Municipal Tiradentes – localizada a Rua Dr. Osvaldo Cruz, 855.

Os portões serão abertos às 13h e fecham às 13h45m.

Segundo a Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Mercedes, medidas sanitárias foram adotadas para a realização das provas.

De acordo com a secretaria, os locais de prova terão janelas amplas para favorecer a circulação de ar e serão higienizados.

Vai haver verificação da temperatura corporal dos aplicadores e candidatos e disponibilização de álcool gel.

O uso de máscaras será obrigatório.

 

Fonte: Assessoria 

Continue Lendo

Geral

Auxílio emergencial é pago a beneficiários do Bolsa Família com NIS 5

Agência Brasil

 

Os beneficiários do Bolsa Família com Número de Inscrição Social (NIS) terminado em 5 recebem hoje (23) a primeira parcela do auxílio emergencial 2021. Os recursos podem ser movimentados pelo aplicativo Caixa Tem, por quem recebe pela conta poupança social digital, ou sacados por meio do Cartão Bolsa Família ou do Cartão Cidadão.

O recebimento dos recursos segue o calendário normal do Bolsa Família, pago nos últimos dez dias úteis de cada mês. A primeira parcela começou a ser depositada na última sexta-feira (16) e será paga até 30 de abril.

Calendário de pagamento das parcelas do auxílio emergencial.
Calendário de pagamento das parcelas do auxílio emergencial para beneficiários do Bolsa Família – Arte/Agência Brasil

Em caso de dúvidas, a central telefônica 111 da Caixa funciona de segunda a domingo, das 7h às 22h. Além disso, o beneficiário pode consultar o site auxilio.caixa.gov.br.

O auxílio emergencial foi criado em abril do ano passado pelo governo federal para atender pessoas vulneráveis afetadas pela pandemia de covid-19. Ele foi pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para mães chefes de família monoparental e, depois, estendido até 31 de dezembro de 2020 em até quatro parcelas de R$ 300 ou R$ 600 cada.

Neste ano, a nova rodada de pagamentos, durante quatro meses, prevê parcelas de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil: as famílias, em geral, recebem R$ 250; a família monoparental, chefiada por uma mulher, recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.

Regras

Pelas regras estabelecidas, o auxílio é pago às famílias com renda mensal total de até três salários mínimos, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo. É necessário que o beneficiário já tenha sido considerado elegível até o mês de dezembro de 2020, pois não há nova fase de inscrições. Para quem recebe o Bolsa Família, continua valendo a regra do valor mais vantajoso, seja a parcela paga no programa social, seja a do auxílio emergencial.

Quem recebe na poupança social digital, pode movimentar os recursos pelo aplicativo Caixa Tem. Com ele, é possível fazer compras na internet e nas maquininhas em diversos estabelecimentos comerciais, por meio do cartão de débito virtual e QR Code. O beneficiário também pode pagar boletos e contas, como água e telefone, pelo próprio aplicativo ou nas casas lotéricas. A conta é uma poupança simplificada, sem tarifas de manutenção, com limite mensal de movimentação de R$ 5 mil.

 

Fonte: Agência Brasil

Continue Lendo

Geral

Vice-prefeito retorna à Secretaria de Administração e Paulo Brandt assume Finanças em Quatro Pontes

Assessoria

O prefeito de Quatro Pontes, João Laufer, nomeou o vice-prefeito Tiago Hansel para retornar à Secretaria de Administração.

Até então, ele comandava a Secretaria de Finanças, que agora passa a ser chefiada por Paulo Brandt, que já tem 31 anos de vida pública.

O novo secretário de Finanças, Paulo Brandt, fala sobre o convite da administração municipal e comenta como será seu modelo de trabalho…

 

Continue Lendo

(45) 3284-8080
Central telefônica (45) 9997-0083 - (45) 9997-0067
FM 95,1 (45) 9997-0733 | WhatsApp FM (45) 9997-0532
Técnica AM 970 (45) 9997-0740
Copyright © 2019 Radio Difusora do Paraná.